close
Saúde

4 doenças que são prevenidas quando o seu gato bebe água corretamente

Atualizado · 21 de dezembro de 2020 · 17h10

Publicado · 21/12/2020 · 17h10

Quando o gato bebe água adequadamente, várias doenças podem ser evitadas
Quando o gato bebe água adequadamente, várias doenças podem ser evitadas

saúde do gato é uma das principais preocupações dos pais de pet, principalmente porque os bichanos não costumam manifestar dor ou qualquer incômodo que indique um problema. É comum que os gatos não bebam água adequadamente, deixando eles muito vulneráveis a diversas doenças, principalmente aquelas que atingem o trato urinário (rins e bexiga). Não é à toa que vários tutores procuram formas de como fazer o gato beber água mais vezes por dia, né? Esse tipo de atitude é fundamental para prevenir alguns problemas de saúde que podem afetar o seu amigo de quatro patas se ele não se hidratar corretamente. Separamos 4 doenças que podem ser evitadas quando o gato bebe água do jeitinho certo e algumas dicas para incentivar este hábito nos felinos. Veja abaixo!

O cálculo renal é uma doença bastante comum nos felinos

Se o seu gato não bebe água com frequência, as chances dele desenvolver cálculo renal - também chamado de urolitíase - são altas. A doença, que é popularmente conhecida como pedra nos rins, se caracteriza pelo acúmulo excessivo de sais minerais no trato urinário, formando cristais que impedem que a urina seja eliminada corretamente. O problema causa bastante dor para o animal, que precisa fazer um esforço muito maior para conseguir fazer xixi. Existem várias causas para este quadro, mas a principal delas está associada com a hidratação inadequada ao longo da vida. Portanto, é muito importante incentivar o gato a ingerir bastante líquido para evitar esse tipo de problema.

Pedra na bexiga é semelhante ao cálculo renal em gatos

A formação de cristais (urólitos) não acontece somente nos rins do animal. As pedras podem atingir também a bexiga do gato, desencadeando um quadro bem semelhante ao cálculo renal, mas que leva o nome de pedra na bexiga e que compõe as Doenças do Trato Urinário Inferior dos Felinos (DTUIF). O problema causa o bloqueio da uretra e pode comprometer a capacidade do gato urinar, gerando bastante desconforto. Sangramentos também podem ocorrer na hora do xixi, sendo este um sintoma bastante grave. Um gato bebendo água e se hidratando corretamente dificilmente vai desenvolver esse tipo de problema, e é por isso que o tutor deve estimular esse hábito sempre.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Não sabe   como fazer o gato beber água? As fontes são um acessório que pode ajudar bastante
    Não sabe como fazer o gato beber água? As fontes são um acessório que pode ajudar bastante

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Doença renal crônica em gatos é um quadro sério

    As doenças renais infelizmente são bastante comuns no universo felino. Mas como diferenciar uma simples doença renal em gatos da doença renal crônica? Simples: o que caracteriza o quadro crônico é a persistência da doença por mais de três meses. Se esse for o caso do seu bichano, é necessário redobrar a atenção com ele, porque a doença renal crônica não tem cura e pode evoluir rapidamente para algo mais sério. Geralmente quando os felinos sofrem com problemas renais, uma mudança bastante perceptível é o gato bebendo mais líquido do que o normal. O aumento de volume da urina também é comum, assim como emagrecimento repentino e perda de apetite.

    Insuficiência renal em gatos é uma doença silenciosa e que precisa de muita atenção

    Como o próprio nome já indica, a insuficiência renal em gatos é uma doença que acontece quando os rins param de funcionar corretamente. Trata-se de um quadro silencioso e que precisa ser diagnosticado e tratado o quanto antes por um médico veterinário, pois só assim é possível retardar a progressão da doença. Caso contrário, o gato não vai receber os cuidados necessários e pode sofrer com os efeitos da doença. Assim como as demais enfermidades citadas, a insuficiência renal em gatos também pode ser prevenida com a ingestão adequada de líquidos. 

    O gato não bebe água? Saiba o que fazer para incentivar o hábito

    Fazer o gato beber água é uma missão difícil, mas não impossível Embora os felinos tenham pouco interesse por água, é possível incentivá-los de algumas formas. Investir em fontes de água para gatos costuma ajudar bastante, já que os bichanos têm mais interesse água corrente. O animal também pode dispensar a água se ela não estiver sempre fresca e limpa, por isso é importante lavar os potinhos com frequência e sempre reabastecê-los com água limpa. Mas caso isso esteja fora de cogitação, também é possível espalhar potes de água pela casa para que o seu amigo sempre consiga acessar o líquido facilmente quando sentir sede, já que dificilmente um gato vai sair da sua soneca sagrada para beber água.

    Por último, uma dica muito dada pelos veterinários é oferecer a ração úmida com mais frequência na rotina do pet: o famoso sachê tem alta concentração de líquidos e atraem bem mais a atenção do gato. 

    Redação: Juliana Melo

    Anatomia canina: tudo sobre a respiração e pulmão de cachorro

    Próxima matéria

    Anatomia canina: tudo sobre a respiração e pulmão de cachorro

    Diabetes em gatos: entenda os perigos e como prevenir a doença!
    Saúde

    Diabetes em gatos: entenda os perigos e como prevenir a doença!

    A diabetes é muito comum entre os humanos, mas você sabia que os felinos também podem sofrer com a doença? A diabetes em gatos é uma doença grave e capaz de atrapalhar a qualidade de vida do felino em vários níveis se não for tratada corretamente. A patologia requer acompanhamento médico, tratamento constante e, muitas vezes, aplicação de insulina diariamente. É um caso específico de endocrinologia, que requer atenção para não prejudicar mais ainda a saúde do animal, principalmente se ele for um gato obeso. Para tirar todas as dúvidas sobre o assunto e aprender a cuidar de gato com a doença, nós conversamos com o médico veterinário Rafael Cunha, do Rio de Janeiro!

    Cães e gatos pretos: por que eles são mais rejeitados na hora da adoção?
    Histórias reais

    Cães e gatos pretos: por que eles são mais rejeitados na hora da adoção?

    Na hora de adotar um pet, muita gente nem imagina a dificuldade que é conseguir arranjar uma família para os bichinhos de pelagem mais escura. Seja um gato preto filho ou um cachorro preto grande: eles raramente são escolhidos pelos adotantes. Mas por que isso acontece, afinal? Pesquisas feitas pela ASPCA, American Society for the Prevention of Cruelty to Animals, revelam pelo menos dois motivos para que os animais de cor preta sejam mais rejeitados na hora da adoção: a Síndrome do Grande Cachorro Preto e a ideia de que o gato preto está ligado a superstições.

    Giárdia em gatos: entenda mais sobre a doença, os sintomas mais comuns e como prevenir
    Saúde

    Giárdia em gatos: entenda mais sobre a doença, os sintomas mais comuns e como prevenir

    Assim como nos cães, a Giárdia em gatos é uma zoonose muito comum. Os felinos, então, não estão imunes a contrair essa doença, que muitas vezes passa despercebida ao ser confundida com uma simples diarreia. Por isso, é muito importante prestar atenção aos sintomas da giárdia em gatos e, também, buscar formas de prevenir a contaminação. Para esclarecer mais as dúvidas quanto ao assunto, conversamos com a médica veterinária Carolina Mouco Moretti, que é diretora geral do Hospital Veterinário Vet Popular, de São Paulo.

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça
    Raças

    Gato Singapura: tudo que você precisa saber sobre a raça

    Com uma beleza extraordinária, o gato Singapura deixa qualquer um babando. Esse felino de pequeno porte é considerado uma das menores raças de gato que existem. Entretanto, suas características físicas singulares não param por aí: os olhos grandes e expressivos são outra particularidade da raça. Além disso, a raça Singapura possui uma personalidade dócil e amigável. Ficou curioso para conhecer mais sobre essa raça de gato?

    Ver Todas >

    Doença do carrapato: veja em infográfico os perigos dessa doença de cachorro
    Saúde animal

    Doença do carrapato: veja em infográfico os perigos dessa doença de cachorro

    A doença do carrapato é uma das mais temidas pelos pais e mães de pets - e com razão. O contágio acontece quando um carrapato infectado com o parasita pica um cãozinho saudável. Pouco tempo depois, os sintomas da doença do carrapato já começam a aparecer. Um dos motivos do porque essa doença é tão perigosa é o fato de seus sintomas serem muito variados e se agravarem rapidamente. A doença do carrapato tem cura, mas quanto mais o tratamento demora a ter início, mais complicado fica. 

    Caspa em cachorro: tudo sobre o problema de pele
    Saúde animal

    Caspa em cachorro: tudo sobre o problema de pele

    A caspa em cachorro é uma das manifestações que acontece quando há alguma deficiência nutricional ou higienização inadequada do animal. Avistou algumas casquinhas brancas se soltando abaixo dos pelos do seu pet? Então continue lendo para saber tudo sobre cachorro com caspa e como livrar seu melhor amigo desse incômodo.

    Cachorro babando: quando é motivo para se preocupar com a saúde do pet?
    Saúde animal

    Cachorro babando: quando é motivo para se preocupar com a saúde do pet?

    A saliva do cachorro, assim como a nossa, tem diversas funções. Porém, quando há alterações na consistência e aparência da saliva, ou quando ela se torna muito abundante, é melhor ficar alerta: esse pode ser um sintoma de que algo não vai bem com a saúde do cachorro. Descubra agora como identificar a salivação anormal no seu melhor amigo.  

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães
    Saúde animal

    Como aumentar a imunidade do cachorro e tudo sobre o sistema imunológico dos cães

    Uma pergunta comum a todos os pais de pet que não gostam de ver o filho de quatro patas doente é como aumentar a imunidade do cachorro. Assim como acontece com os humanos, o sistema imunológico canino é como se fosse um mecanismo interno de defesa que ajuda a proteger os animais contra várias doenças. Isso quer dizer que qualquer alteração ou queda na imunidade deixa o organismo vulnerável, e pode afetar significativamente a saúde do cachorro.

    Ver Todas >