O vermífugo para cães é o primeiro remédio que os filhotes devem tomar. Geralmente, os recém-nascidos adquirem vermes durante a gestação e através da amamentação. Para prevenir problemas futuros, é importante dar a primeira dose do remédio para o cachorro filhote entre o 15º e 20º dia de vida.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Como os cachorros são medicados ainda muito pequenos, é normal eles chegarem na nova família com a primeira dose. Mesmo assim, é importante confirmar com o cuidador anterior a data e saber qual vermífugo para cães filhotes foi dado para dar continuidade ao tratamento. As doses seguintes são ministradas com intervalos de 15 dias ou de acordo com a indicação do seu veterinário.

Tipos de vermes dos cachorros: conheça os mais comuns

Dirofilaria immitis: conhecida com verme do coração, a dirofilaria immitis costuma ser assintomática e por isso tão perigosa. Os sintomas costumam aparecer quando a doença já está em um estágio mais avançado. Os mais comuns são: tosse crônica, dificuldade para respirar e/ou respiração acelerada, fadiga, perda de peso e insuficiência cardíaca.

Toxocara canis: apesar dos sintomas serem brandos, ela pode causar a morte do seu animal se demorar a ser detectada. Os principais sintomas são: dor abdominal acompanhada de diarreia;

Giárdia sp: a giárdia em cães costuma ser assintomática na maioria dos casos. Já os cachorros que têm baixa imunidade ou ainda são filhotes podem apresentar diarreia e dor abdominal.

Sintomas de verme em cachorro


Conheça a importância do vermífugo para o seu cachorro
Conheça a importância do vermífugo para o seu cachorro

Como a verminose atinge o sistema digestório dos cachorros, os sintomas mais comuns são relacionados a desordem no intestino e no estômago. Além de sangue nas fezes e diarreia, existem outros sinais que indicam que o seu cachorro está contaminado.

  • Barriga inchada;
  • Perda de apetite;
  • Vômito;
  • Fezes com uma secreção transparente;
  • Queda de pelos e pelos sem brilho;
  • sonolência ;
  • Anemia;
  • Coceira no ânus;
  • Pequenos vermes ao redor do ânus nos casos mais avançados.

Como evitar vermes no seu cachorro?

A melhor maneira de evitar que seu pet seja contaminado é manter em dia a vermifugação. Geralmente, as doses são dadas três vezes ao ano e, de acordo, com as estações: verão, inverno e primavera. A dosagem correta é medida de acordo com o peso do cachorro e com indicação do veterinário.

Além do remédio específico, é sempre recomendado manter a higiene em dia. Lavar as patinhas sempre na volta do passeio na rua e manter potes de água e ração limpos com água e sabão. Dessa forma, você evita que seu cachorro entre em contato com eventuais larvas e ovos de vermes. É sempre bom lembrar que os donos e todos que moram e convivem com o animal devem tomar remédio de vermes na mesma época que eles, assim, todos ficam protegidos!

Redação: Mariana Almeida