Cuidados

Plantas seguras para gatos: quais flores podem ser cultivadas numa casa com felinos?

A camomila é uma das flores não-tóxicas para gatos. Veja outras opções indicadas para decorar uma casa com felinos!
A camomila é uma das flores não-tóxicas para gatos. Veja outras opções indicadas para decorar uma casa com felinos!

Para quem tem um gatinho e ama plantinhas, é bom ficar atento antes de decorar a casa com flores. Nem todas as plantas são consideradas seguras para gatos, e algumas podem fazer muito mal para o organismo felino se forem ingeridas. Como os gatos são curiosos, não dá para arriscar e colocar flores venenosas para eles no mesmo ambiente, ou a saúde do animal pode ser seriamente prejudicada. Por isso, é muito importante saber quais são as flores não-tóxicas para gatos que podem ser cultivadas. Separamos algumas opções que podem ajudar a deixar sua casa mais bonita e segura para o seu amigo. Veja!

Gatos e flores: girassol e rosa são opções seguras

As pessoas que amam girassol podem respirar aliviados: essa espécie de flor não traz perigo nenhum para os gatinhos, e é uma ótima opção para colocar mais cor e alegria para dentro de casa. Não requer nenhum cuidado muito especial, e as sementes do girassol ainda podem ser reaproveitadas de diferentes formas, pois são fontes de vitaminas e minerais.

As rosas também são consideradas flores não-tóxicas para gatos e podem preencher o ambiente com muita delicadeza. No entanto, é importante ficar atento com os espinhos, porque eles podem acabar machucando os felinos mais curiosos.

Camomila e amor-perfeito são flores que não fazem mal aos gatos

Para uma casa mais florida, a camomila e o amor-perfeito são alternativas excelentes. Além de não oferecerem riscos para os felinos, essas flores não-tóxicas para gatos podem ser ingeridas sem problemas. A camomila, por exemplo, é uma florzinha que até mesmo traz alguns benefícios, pois ela auxilia no bom funcionamento do fígado e também ajuda a reduzir dores e desconfortos estomacais. Já o amor-perfeito é uma flor comestível que chama a atenção pelo seu aroma e paladar diferenciado, mas que não prejudica o gato.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    Gatos e flores: não esqueça de sempre pesquisar sobre a espécie para se certificar de que é segura para os pets da casa
    Gatos e flores: não esqueça de sempre pesquisar sobre a espécie para se certificar de que é segura para os pets da casa

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    Gatos e flores: orquídea não é uma planta tóxica, mas requer certo cuidado

    Muitas pessoas se questionam se a orquídea é uma das plantas seguras para gatos, e a resposta é sim. Essa, aliás, é uma opção bastante viável para se ter em uma casa com felinos. O problema é que existem diferentes tipos de orquídea, e é necessário ficar atento a cada uma para garantir a segurança do pet. As plantas mais populares, que são a orquídea borboleta ou a orquídea chave-de-ouro, não oferecem nenhum risco para o animal. Ainda assim, vale destacar que essa é uma flor que precisa de cuidados diários para crescer saudavelmente, e se o seu gatinho é daqueles que adora interagir com as plantas, talvez essa não seja uma boa ideia. 

    Copo-de-leite, lírio e tulipa são flores tóxicas para gatos

    Agora que você já sabe algumas opções de plantas para deixar sua casa bem florida e sem prejudicar a saúde do seu amigo de quatro patas, chegou a hora de saber também quais são as flores tóxicas para gatos. O lírio, por exemplo, é uma flor exótica totalmente venenosa que pode causar sérios danos ao fígado do animal se for ingerida. Já a tulipa e copo-de-leite, por outro lado, são flores um pouco menos tóxicas, mas que ainda assim são bem perigosas e devem ser evitadas na decoração de ambientes internos. O contato com a copo-de-leite pode deixar o gato com alergia e irritação na pele, salivação excessiva e dificultar a deglutição; enquanto a tulipa pode ocasionar diarreias e vômitos

    Redação: Juliana Melo

    5 partes do corpo do gato que todo tutor precisa prestar atenção

    Próxima matéria

    5 partes do corpo do gato que todo tutor precisa prestar atenção

    Adoção

    "Quero adotar um gato": tudo o que você precisa saber e fazer antes de levar um felino para casa

    Se você procura um bichinho independente, carinhoso e de personalidade forte, talvez seja o momento certo de adotar um gatinho. Com um jeito próprio de demonstrar todo o seu amor, os felinos têm conquistado cada vez mais o coração das mães e dos pais de pet de plantão. Mas, na hora de decidir isso, é preciso ter em mente que incluir um novo membro à sua família implica uma série de fatores, tanto para o animal quanto para os tutores e, principalmente, para o lugar que será o seu novo lar. Para te ajudar nesse momento, nós separamos um guia completo com tudo que você precisa saber na hora de adotar um gato. Dá uma olhada!

    Plantas tóxicas para gatos e cachorros: descubra quais espécies você precisa evitar
    Cuidados

    Plantas tóxicas para gatos e cachorros: descubra quais espécies você precisa evitar

    Quem se pergunta como cuidar de um cachorro ou gato por estar dando as boas-vindas a um desses animais em casa em breve vai descobrir que a adaptação do ambiente é mais do que necessária. Buscando a segurança e o conforto do seu novo amigo, é normal instalar telas de proteção e liberar um cantinho para a cama e a ração dele, mas muita gente passa direto pelas plantas: algumas espécies bem comuns em jardins, quintais e vasinhos são tóxicas quando ingeridas e podem até ser fatais.

    Gato Birmanês: conheça todas as características desse adorável felino
    Raças

    Gato Birmanês: conheça todas as características desse adorável felino

    O Birmanês, que também é conhecido como gato Sagrado da Birmânia, é um animal super dócil e elegante que tem muita história para contar. O gato da Birmânia é descendente de animais que eram venerados como deuses entre o século XV e XVI nos templos budistas do sudeste asiático. Muito sensível, a raça de gato é conhecida pelo companheirismo, já que se apega facilmente à família humana. O gato Birmanês gosta de explorar e é curioso, mas diferente dos outros gatos, ele gosta da estabilidade do chão e não gosta muito de altura.

    Plantas venenosas para gatos: 10 espécies que você deve deixar longe do alcance dos felinos
    Cuidados

    Plantas venenosas para gatos: 10 espécies que você deve deixar longe do alcance dos felinos

    Ter plantas em casa é tudo de bom para dar uma revitalizada no ambiente, deixando-o mais alegre e colorido. Contudo, quem pretende ter um gatinho, ou quem já tem e quer investir em uma vegetação mais natural dentro de casa, precisa ter uma atenção redobrada na hora de escolher as espécies das verdinhas. Existem plantas tóxicas para gatos que representam um verdadeiro perigo para o seu amigo de quatro patas, e é essencial saber quais são elas para evitar qualquer tipo de problema. 

    Ver Todas >

    Veja em infográfico 6 dicas para escovar os pelos do gato
    Cuidados dos animais

    Veja em infográfico 6 dicas para escovar os pelos do gato

    Manter a pelagem de gatos saudável requer uma série de cuidados. Um deles - e talvez o mais importante - é a escovação, que deve ser feita regularmente com uma escova específica para isso, principalmente nas épocas em que a queda de pelo em gatos fica mais intensa, como na primavera. O hábito ajuda a remover os pelos mortos e desembaraçar possíveis nós na pelagem. Mas você sabe como fazer isso da maneira certa? Vários fatores influenciam na hora de escovar o pelo de gato, desde a escolha do melhor acessório até o sentido certo da escovação.

    Cachorro comendo capim: esse comportamento é normal?
    Cuidados dos animais

    Cachorro comendo capim: esse comportamento é normal?

    Se o seu cachorro come capim, você provavelmente já parou para se perguntar o motivo desse comportamento, né? Muitos tutores se preocupam com esse hábito, mas a verdade é que na maioria das vezes isso não quer dizer nada demais. Muito pelo contrário, o cachorro comendo capim é algo totalmente natural e instintivo para os cães, então não costuma fazer mal - desde que seu consumo seja moderado. 

    Cachorro vira-lata filhote: quais os cuidados mais importantes durante essa fase?
    Cuidados dos animais

    Cachorro vira-lata filhote: quais os cuidados mais importantes durante essa fase?

    Quem não ama filhotes de cachorro? Quando é um filhote de vira-lata então, não tem quem resista! Esses cachorros, também conhecidos como cães sem raça definida (SRD), têm um espaço especial no coração dos brasileiros, considerado por muitos um patrimônio nacional. Felizmente, cada vez mais as pessoas têm vontade de adotar um cachorro vira-lata filhote. Porém, existem alguns cuidados importantes que devem ser tomados nessa fase. 

    Cocô de cachorro: qual a importância de sempre recolher as fezes durante o passeio?
    Cuidados dos animais

    Cocô de cachorro: qual a importância de sempre recolher as fezes durante o passeio?

    Recolher o cocô de cachorro durante o passeio é um ato de cidadania e a oportunidade de inserir os pets cada vez mais na sociedade. Passear com cachorro ao ar livre é sempre muito divertido e saudável para o pet, mas não recolher fezes do animal é, além de uma falta de respeito com os pedestres, um fonte de inúmeras doenças - para cães, outras espécies de animais e até para os humanos. 

    Ver Todas >