close
Saúde

Outubro rosa pet: tumores de mama também podem afetar cães e gatos

Atualizado · 05 de Outubro de 2020 · 18h42

Publicado · 05/10/2020 · 18h39

Outubro rosa pet: saiba mais sobre a conscientização do câncer de mama em cadelas e gatas
Outubro rosa pet: saiba mais sobre a conscientização do câncer de mama em cadelas e gatas

Vamos falar do Outubro Rosa Pet? No mês da conscientização do câncer de mama, é importante ter em mente que, assim como os humanos, cachorro e gato também podem desenvolver tumores no tecido mamário. Na verdade, o número de casos em animais é tão preocupante quanto nas mulheres, já que poucos tutores têm conhecimento a respeito desse assunto. Pensando nisso, o Patas da Casa preparou uma matéria com algumas informações importantes sobre o câncer de mama em cadelas e gatas, como sintomas, tratamento e prevenção da doença. Veja só!

Câncer de mama: cadela pode ficar com a região inchada

Em primeiro lugar, o tutor deve estar aos sintomas da doença, pois o diagnóstico precoce é fundamental para dar início ao tratamento mais adequado. Ao notar a cadela com mama inchada e/ou com caroços na região, você deve redobrar a atenção com sua doguinha. Outros sinais que também estão associados a este quadro é a presença de secreção saindo das mamas e dor no local (para isso, o tutor deve apalpar a mama do animal e ver como ele reage diante dessa situação). Também é comum que haja uma alteração no comportamento do cachorro afetado, e ele pode ficar mais triste e cabisbaixo.

E atenção: é importante ter em mente que o câncer de mama pode atingir tanto as cadelas quanto os cães machos. Qualquer cachorro - independente de raça ou gênero - pode desenvolver o câncer de mama, mas as cadelas - principalmente as não castradas - são mais vulneráveis a esse problema. Vale destacar também que os casos de tumor de mama em cadelas podem ser tanto benignos quanto malignos, e por isso é muito importante ter um acompanhamento médico caso haja qualquer alteração no corpo do animal.

Qual raça de gato você é?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

O que você mais gosta de fazer nos momentos de lazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Se você pudesse se descrever com uma palavra, quais das opções a seguir escolheria?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Alguém te chamou para sair para um lugar inusitado, o que você pensa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica depois de dormir pouco na noite anterior?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você viajou e se perdeu em uma cidade que não conhece muito: o que passa pela sua cabeça?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Quais dessas características você procuraria em um pet?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

O que seus amigos próximos pensam sobre você?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você gosta de curtir as férias?

Question Header Background

Sua personalidade aventureira combina com o Bobtail Japonês! Você é divertido assim como o gato Siamês! Sua personalidade ranzinza combina com o gato Maine Coon! Você é preguiçoso como um gatinho Persa!
    Câncer de mama: cadelas, cães machos, gatas e gatos podem desenvolver a doença. Previna-se!
    Câncer de mama: cadelas, cães machos, gatas e gatos podem desenvolver a doença. Previna-se!

    Mais Lidas

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Hiperplasia mamária felina e câncer de mama em gatos: entenda a diferença entre as patologias

    É comum que os tutores confundam a hiperplasia mamária felina com o câncer de mama em gatos, mas elas não são doenças iguais. Na verdade, o primeiro quadro se trata de uma alteração não neoplásica (maligna), que pode provocar o aumento de uma ou mais mamas da gata, mas que não é considerado um tipo de tumor. Outros sintomas desse problema hormonal são: apatia, anorexia, febre, desidratação e dificuldade para andar. 

    Já o câncer de mama em gatos tem basicamente os mesmos sinais clínicos do câncer de mama em cadelas, já que, além do inchaço do tecido mamário, também pode apresentar caroços, secreções e dor. Em todo caso, ao perceber qualquer alteração nas mamas do seu pet, procure a ajuda de um veterinário.

    Como tratar câncer de mama em gatos e cães?

    O tratamento para o câncer de mama em cadelas e gatas pode variar, mas costuma seguir a mesma lógica. Se for detectado apenas um tumor benigno, a cirurgia de remoção é o procedimento mais indicado e tem grande eficácia. Já no caso de um tumor maligno, além da cirurgia, a quimioterapia também é outro tratamento que deve ser associado para evitar que o câncer se espalhe. De toda forma, somente quem poderá indicar qual é a melhor forma de tratar câncer de mama em gatos e cães é o próprio médico veterinário. Ele fará uma análise minuciosa de cada caso, baseando-se em exames e na biópsia para poder definir qual é a metodologia mais adequada para cuidar do animal.

    Castração é a melhor alternativa para prevenção do câncer de mama em cadelas e gatas

    Você provavelmente já ouviu falar na castração de cachorro e gato, certo? Embora alguns tutores tenham receio de submeter seus bichinhos a este tipo de procedimento, a verdade é que castrar cães e gatos é uma medida capaz de trazer vários benefícios à saúde. Além da gravidez indesejada, que consequentemente aumenta o número de bichinhos abandonados, algumas doenças - como o próprio câncer de mama em cadelas e gatas - também podem ser prevenidas com o procedimento cirúrgico. Portanto, essa acaba sendo a principal forma de reduzir os riscos de tumores. Além disso, vale destacar que o tutor deve evitar o uso de anticoncepcionais em cadelas e gatas, porque esse medicamento hormonal acaba sendo ainda mais prejudicial para o animal. Sempre opte pela castração!

    Redação: Juliana Melo

     

    Quais são as raças de cachorro braquicefálico? Shih Tzu, Bulldogs, Pug e muito mais

    Próxima matéria

    Quais são as raças de cachorro braquicefálico? Shih Tzu, Bulldogs, Pug e muito mais

    Outubro rosa pet: tudo que você precisa saber sobre o câncer de mama em cadelas e gatas
    Saúde animal

    Outubro rosa pet: tudo que você precisa saber sobre o câncer de mama em cadelas e gatas

    Assim como a campanha internacional com humanos, o Outubro Rosa Pet é uma oportunidade para conscientizar os tutores sobre a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama em cães e gatos. Esse é um problema mais comum do que se imagina no universo animal. Por isso, a observação constante e a prevenção devem fazer parte da rotina de todo pai ou mãe de pet, principalmente no caso de fêmeas.

    Reiki veterinário: como essa terapia holística pode ajudar os cães e gatos?
    Saúde

    Reiki veterinário: como essa terapia holística pode ajudar os cães e gatos?

    O reiki é uma terapia holística muito comum entre os humanos, mas você sabia que o seu pet também pode aproveitar os benefícios desse tratamento? O reiki veterinário é uma técnica de cura pelas mãos que busca alinhar os centros de energia do corpo - chamados de chakras -, promovendo o equilíbrio energético do corpo e melhorando a saúde física, mental e espiritual do animal. Que tal entender como o reiki pode ajudar na hora de cuidar de cachorro e até a melhorar o comportamento do gato? Vem que a gente te explica tudo que você precisa saber sobre o assunto!

    Novembro azul pet: cães e gatos também precisam de cuidados para prevenir o câncer de próstata
    Saúde

    Novembro azul pet: cães e gatos também precisam de cuidados para prevenir o câncer de próstata

    No mês da conscientização do câncer de próstata, é importante pensar também nos cuidados com os animais. Assim como humanos, cães e gatos também podem ser atingidos por essa doença, embora não seja tão frequente assim. Logo, estar atento a possíveis sintomas é fundamental para a obtenção do diagnóstico precoce e, então, dar início ao tratamento mais adequado. Pensando nisso, o Patas da Casa preparou uma matéria recheada de informações sobre o tema “Novembro Azul Pet”! 

    Gato laranja: o que essa cor de pelagem pode indicar sobre a personalidade do pet?
    Comportamento

    Gato laranja: o que essa cor de pelagem pode indicar sobre a personalidade do pet?

    Não tem quem resista à fofura de um gato laranja. Mas você já parou para se perguntar como é a personalidade do gato alaranjado? Muitas pessoas acreditam que algumas características dos felinos estão intimamente relacionadas com a cor da sua pelagem e, segundo um estudo da Universidade da Flórida e Califórnia, nos Estados Unidos, há evidências de que isso é verdade. 

    Ver Todas >

    Mordida de cachorro: o que fazer ao ser atacado por um cão?
    Saúde animal

    Mordida de cachorro: o que fazer ao ser atacado por um cão?

    Levar uma mordida de cachorro é sempre uma situação inesperada. Seja de um animal desconhecido ou do seu próprio pet, um ataque pode ser muito perigoso. Pela mordida, o cachorro pode transmitir muitas doenças ao homem, sejam infecções mais brandas ou doenças graves, como a raiva. Como não podemos prever que um cão vai nos atacar, é importante estar sempre preparado. 

    Pancreatite canina: como é a recuperação da doença?
    Saúde animal

    Pancreatite canina: como é a recuperação da doença?

    Quando o cachorro desenvolve pancreatite canina, é muito importante começar a tratar desde cedo. A doença é considerada uma das mais comuns que atingem o sistema digestivo do cachorro, além de uma das mais graves. A pancreatite no cachorro acomete o pâncreas e debilita todo o sistema digestivo, trazendo sintomas bem desconfortáveis ao animal. A demora no diagnóstico pode acabar levando o animal a óbito. O cachorro com pancreatite canina precisa iniciar o tratamento o quanto antes para conseguir se recuperar. 

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?
    Saúde animal

    Dente de gato: como preservar a saúde bucal do seu felino?

    A pasta e a escova de dente para gatos são os principais aliados para a boa higiene bucal dos felinos. Escovar os dentes do gato evita doenças, previne o mau hálito e preserva os dentinhos. Seja quando o gato troca de dente ou quando já é um bichano idoso, a dentição felina requer cuidados especiais em todas as fases da vida. Saber como escovar os dentes do gato corretamente é o primeiro passo para garantir a higiene bucal, além de uma alimentação balanceada. 

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?
    Saúde animal

    Giárdia canina: como funciona a vacina contra a doença?

    A giárdia canina é uma doença infecciosa causada por um protozoário que pode acometer cães, gatos e seres humanos. Essa zoonose ocorre quando o cachorro ingere cistos do protozoário, que podem estar presentes na água e alimentos. Além disso, como os cachorrinhos são animais que usam a boca para diversas funcionalidades, é possível que o pet colete o parasita lambendo um brinquedo, bebendo água de uma poça ou mastigando algum objeto. Ficar de olho em como prevenir a doença é muito importante, visto que a giárdia em cães é transmitida para outros animais com facilidade. 

    Ver Todas >