close
Alimentação

Orelha de boi para cachorro: como oferecer o petisco desidratado? É seguro? Quais os cuidados?

Atualizado · 16 de maio de 2022 · 18h51

Publicado · 16/05/2022 · 18h51

A orelha de boi é um petisco para cachorro rico em fibras e proteínas, mas que deve ser oferecido com moderação
A orelha de boi é um petisco para cachorro rico em fibras e proteínas, mas que deve ser oferecido com moderação

Oferecer petisco para cachorro traz diversos benefícios ao pet, como melhorar a saúde bucal, ajudar a manter o bem-estar e ainda servir de recompensa durante o adestramento - além de ser uma delícia para os peludos! Existem muitas opções de petisco para cachorro, que vão desde biscoitos até bifinhos. Um outro exemplo é a orelha de boi para cachorro, que é adorada pelos cães. Mas afinal, esse alimento é seguro? O que é melhor: orelha bovina ou cascos e ossos para cachorro? Quais cuidados se deve ter ao dar esse petisco para o cão? O Patas da Casa tira todas as dúvidas que você possa ter sobre a orelha de boi para cachorro. Confira!

Qual a composição da orelha de boi para cachorro?

A orelha de boi é um petisco para cachorro composto pela cartilagem desidratada da orelha bovina. Normalmente é vendida em saquinhos com algumas porções. Trata-se de um petisco natural para cachorro, pois não contém conservantes nem aditivos químicos. Como é feita da cartilagem do boi, é muito rica em fibras e proteínas, trazendo assim vantagens nutricionais ao pet. A orelha de boi desidratada é um alimento gorduroso que, em exagero, pode ser ruim para a saúde do cachorro.

A orelha de boi para cachorro é uma alternativa aos ossos tradicionais

Muitos cães gostam de morder tudo que veem pela frente. O cachorro destruindo sofá, mesas e outros móveis não é nada legal e, por isso, algumas medidas são tomadas para aliviar esse problema. Muitos tutores optam pelos cascos e ossos para cachorro, mas, na verdade, esses produtos são prejudiciais à dentição canina, além de causarem problemas como perfuração ou obstrução do esôfago, estômago ou intestino. A orelha de boi desidratada, por outro lado, é mais macia e não causa esses problemas. Assim, é uma ótima alternativa para os ossinhos. Além da orelha bovina, a orelha de porco para cachorro também é uma boa opção.

Oferecer esse petisco para cachorro filhote ajuda a aliviar a coceira dos dentes nascendo

Talvez você já tenha reparado que o cachorro filhote fica dando mordidinhas o tempo todo, seja em você ou em objetos espalhados pela casa. Esse é um comportamento normal nessa idade por conta da troca de dentição canina, que causa coceira e incômodo no animal. Morder é a forma que o bichinho encontra de aliviar esses inconvenientes. Como explicamos, a orelha de boi para cachorro é ótima para cães que têm o costume de morder tudo e todos. Mas será que ela também é um petisco para cachorro filhote ou só adultos podem comer? A orelha de boi desidratada pode sim ser oferecida para cachorrinhos, sendo segura para todas as idades. Porém, antes de dar esse petisco para cachorro filhote, converse com o veterinário para saber se não tem problema incluir na dieta e definir a quantidade ideal para não haver exageros.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Oferecer orelha de boi para cachorro é mais seguro que dar osso para cachorro
    Oferecer orelha de boi para cachorro é mais seguro que dar osso para cachorro

    Mais Lidas

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção
    Alimentação animal

    Frutas para gatos: um guia completo dos alimentos liberados e benefícios de cada opção

    Cuidar da alimentação do gato é dever de todo tutor, e para isso é importante saber o que o animal pode ou não comer. Além das tradicionais rações para gatos, algumas pessoas também gostam de oferecer outras opções de comida para o seu bichano e procuram alternativas mais naturais, como frutas e legumes. Porém, por mais saudáveis que esses alimentos sejam para os humanos, é importante ter em mente que o organismo dos felinos não funciona da mesma maneira que o nosso e algumas frutas para gatos, por exemplo, podem fazer mal ao seu amigo de quatro patas. Para sanar todas as dúvidas sobre o assunto, confira as frutas que gatos podem comer a seguir!

    Verduras e legumes para cachorro: opções saudáveis para incluir na dieta do seu cãozinho!
    Alimentação animal

    Verduras e legumes para cachorro: opções saudáveis para incluir na dieta do seu cãozinho!

    Quando o assunto é a alimentação de um pet, muitas dúvidas podem surgir: o que o cachorro não pode comer? cachorro pode comer couve? Pode dar brócolis para cachorro? Ou ainda se cachorro pode comer abobrinha? Muitos tutores questionam se podem oferecer verduras e legumes para cachorro. A resposta é sim! Além de serem muito saudáveis, esses tipos de alimentos ajudam a abrir e instigar o apetite dos caninos, podendo ser oferecidos como petiscos e até recompensas.

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos
    Alimentação animal

    O que gato pode comer? Veja alguns alimentos liberados para os felinos

    Mesmo que os gatinhos não tenham aquela gula característica dos cachorros, eles podem amar alguns alimentos. A dúvida, porém, sempre permanece nessa hora: além da ração, sachê e petiscos específicos, o que gato pode comer? A não ser que seu gatinho tenha um problema de saúde, você pode oferecer algumas frutas, legumes e proteínas de vez em quando. Mas atenção! Não são todos os alimentos que os gatos podem comer. O chocolate, por exemplo, está na lista dos itens proibidos pelo risco de intoxicar o seu pet.

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos
    Alimentação animal

    Meu cachorro não quer comer ração, o que eu faço? Entenda os motivos

    Os cachorros têm fama de serem comilões e, na maioria dos casos, eles não abrem mão das refeições - seja a ração ou um snack. Todo dono de cachorro, provavelmente, já passou pela situação de estar comendo enquanto o amigo de quatro patas fica pedindo um pedaço do lanche. Mas, e quando o apetite do seu cachorro parece desaparecer, você sabe o que fazer?

    A orelha de boi para cachorro ajuda na higiene bucal e controle da ansiedade

    Além de evitar que os cães roam tudo pela casa, a orelha de boi para cachorro traz outros benefícios ao animal. Um deles é auxiliar na higiene bucal do cachorro. Ao mesmo tempo em que morde a orelha desidratada, cachorro limpa os dentes por causa do atrito com o alimento. Além disso, esse petisco para cachorro ajuda na saúde da gengiva. Outra vantagem da orelha de boi para cachorro é que ela alivia a ansiedade canina e o estresse, pois morder o alimento deixa o pet mais calmo. Oferecer esse petisco natural para cachorro também é uma ótima maneira de distrair o cão ao receber visitas ou quando ele estiver muito agitado. 

    A orelha bovina é um petisco para cachorro e deve ser servido com moderação

    Apesar de ser um petisco natural para cachorro e ter diversos benefícios, a orelha bovina não substitui uma refeição e muito menos deve ser seu alimento principal. É na ração para cães que o pet vai receber todos os nutrientes que precisa para ficar saudável. Mesmo que na orelha desidratada cachorro receba muitas proteínas, o pet precisa de outras substâncias na sua dieta. Além disso, a orelha de boi para cachorro contém uma quantidade de calorias que, em excesso, pode contribuir para a obesidade canina ou deixar o pet intoxicado. 

    Como oferecer a orelha de boi para cachorro: saiba que cuidados se deve tomar para evitar o exagero

    É importante ressaltar que a orelha bovina deve ser sempre um petisco para cachorro e oferecido com moderação. Converse com o veterinário para saber a quantidade e frequência ideal para o seu pet. Cães com tendência à obesidade, por exemplo, podem não se beneficiar com o alimento. Nesse caso, é possível escolher outras opções de petisco natural para cachorro menos calóricas. Se o veterinário disser que não há problema em dar orelha de boi para cachorro, comece oferecendo aos poucos e observe seu comportamento ao comer.

    Normalmente, esse petisco para cachorro filhote ou adulto não traz problemas quando ingerido com moderação, mas caso seu pet fique enjoado e apresente sintomas como vômito e diarreia, leve-o ao veterinário. Pode acontecer de ele ter um intestino mais sensível e não se dar tão bem com a quantidade de gordura presente na orelha de boi para cachorro. 

    Redação: Maria Luísa Pimenta

    Gato pode comer frango?

    Próxima matéria

    Gato pode comer frango?

    Bullmastiff: origem, características e cuidados... conheça a raça de cachorro do Reino Unido
    Raças

    Bullmastiff: origem, características e cuidados... conheça a raça de cachorro do Reino Unido

    A raça Bullmastiff é um cachorro grande e robusto, mas que não deixa a desejar no temperamento afetuoso e gentil. Esse cãozinho britânico, que surgiu no século XIX, conquista as pessoas por onde passa. Sempre em alerta, ativo, companheiro e fiel aos tutores, o Bullmastiff estará sempre pronto para proteger a família e seu território. Por não ser uma raça de cachorro tão comum no Brasil, elaboramos um guia com todas as informações que você precisa saber sobre o Bulmastiff, que também é chamado por Bulmastife e Bulmastife Boxer. 

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados
    Grandes

    Tudo sobre o cachorro Boxer: origem, personalidade, saúde, características físicas e cuidados

    Se você sempre sonhou em ter um cachorro grande dentro de casa, a raça Boxer certamente é uma opção que não vai te decepcionar. Por trás da aparência robusta e que pode ser considerada até um pouco intimidante para alguns, existe um cãozinho companheiro e com muito amor para oferecer aos seus humanos. Conheça um pouco mais sobre o comportamento da raça, cuidados com a saúde e quanto custa um cachorro Boxer.

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Tudo sobre o Dálmata: conheça as características, personalidade e cuidados com essa raça de cachorro grande

    Um cachorro Dálmata é facilmente reconhecido graças a sua aparência particular e também ao filme “101 Dálmatas”, desenho que se tornou muito popular na década de 60 e que faz um grande sucesso até hoje. Mas o que esse cãozinho tem de tão especial, além das suas famosas manchas? Para quem sempre quis ter um Dálmata para chamar de seu, chegou o momento de desvendar tudo sobre essa raça de cachorro grande: características físicas, temperamento, personalidade, que cuidados são necessários, preço e como é a saúde desse animal. Vem que a gente te conta!

    Rottweiller: quais os cuidados mais importantes com a raça de cachorro grande?
    Grandes

    Rottweiller: quais os cuidados mais importantes com a raça de cachorro grande?

    O Rottweiler é uma das raças de cachorro grande que mais fazem sucesso, principalmente por conta da fama de durão e de bom guardião. Por trás do porte robusto e da aparência intimidante, existe um cãozinho muito dedicado e devoto à sua família, sempre pronto para protegê-la. Alguns encaram isso como agressividade e acreditam que a raça tem um temperamento difícil de lidar, mas se for bem treinado e bem cuidado, o Rottweiler pode desenvolver um comportamento muito tranquilo e carinhoso.

    Ver Todas >

    O que cachorro pode comer nas festas juninas?
    Alimentação animal

    O que cachorro pode comer nas festas juninas?

    É normal qualquer pai de pet se perguntar o que cachorro não pode comer, principalmente em datas comemorativas. Com a chegada do mês de junho, vem aí também uma das comemorações mais amadas pelos brasileiros: as festas juninas! Além de muitas brincadeiras, quadrilhas e roupas caipiras, uma boa festa junina precisa ter muitas comidas típicas. Pipoca, cachorro quente, milho, paçoca, canjica... entre outros pratos fazem a alegria do nosso povo. 

    Cachorro pode tomar suco de frutas?
    Alimentação animal

    Cachorro pode tomar suco de frutas?

    Existem diversas frutas que pode dar para cachorro comer no dia a dia. Super saudáveis, as frutas para cachorro - quando certas - trazem diversos benefícios nutricionais ao animal. Uma grande vantagem das frutas é que elas permitem uma enorme variedade de formas de uso, e uma das preferidas de todo mundo é o suco de fruta. Mas será que o cachorro pode tomar suco assim como nós? Na verdade, depende! O Patas da Casa te explica quando o suco para cachorro pode ser oferecido ao pet e quando deve ser evitado. Confira!

    Pode trocar a ração do gato com qual frequência?
    Alimentação animal

    Pode trocar a ração do gato com qual frequência?

    Assim como o cachorro enjoa de ração, o gato também pode enjoar e deixar de se alimentar direito por causa disso. Todo mundo sabe que não é exatamente fácil agradar o exigente e criterioso paladar felino, então pode ser que depois de um tempo comendo do mesmo alimento, o gatinho simplesmente fique enjoado e queira experimentar coisas novas. Por outro lado, saber como conduzir essa situação é extremamente importante para evitar um gato estressado com a troca repentina de comida ou apático. 

    Ração para gatos castrados: tudo sobre o alimento e como escolher a melhor para seu pet
    Alimentação animal

    Ração para gatos castrados: tudo sobre o alimento e como escolher a melhor para seu pet

    A ração para gato castrado é um cuidado essencial que se deve ter com o bichinho após a cirurgia. A castração do gato traz inúmeros benefícios ao animal, pois acaba com certos comportamentos (como saidinhas e marcação de território) e ainda evita algumas doenças, como o câncer de mama. Por outro lado, o animal tende a ganhar mais peso, o que pode ser prejudicial à sua saúde. É aí que entra a ração para gatos castrados, recomendada sempre que o animal passa pela cirurgia. 

    Ver Todas >