linguagem corporal canina é tão expressiva que às vezes é possível entender os cães mesmo que eles não falem. Seja qual for a personalidade do cachorro, todos têm um comportamento canino tão revelador que, só de movimentar as orelhas, já dá para perceber o que o pet sente ou quer. Porém, não são apenas os humanos que compreendem a linguagem de cachorro. Já aconteceu de você falar algo com seu cãozinho e ele, imediatamente, virar a cabeça?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Esse comportamento canino curioso e extremamente fofo vai muito além de um gesto bonitinho. Uma pesquisa recente voltada ao estudo da linguagem dos cachorros obteve resultados importantes que ajudam a explicar porque os cães têm essa reação peculiar ao ouvir a voz do dono. Esse comportamento de cachorro está relacionado à atenção e memória canina, que é muito mais surpreendente do que se imagina. Quer entender melhor o que a linguagem corporal canina pode dizer sobre um cachorro? Confira!

Comportamento do cachorro: virar a cabeça ao ouvir o dono tem relação com memória e atenção

Existem muitos estudos sobre o comportamento dos cães e um dos mais recentes foi publicado em outubro de 2021. A pesquisa, disponível no periódico Animal Cognition, foi desenvolvida por pesquisadores da Universidade Eötvös Loránd, na Hungria. Para estudar a linguagem dos cachorros, 40 cães foram classificados em dois grupos, após 3 meses de sessões de treinamento com brinquedos: os Aprendizes Habilidosos de Palavras (7 cachorros) e os Cães Típicos (33 cachorros). Os Aprendizes conseguiram memorizar uma quantidade maior de nomes de objetos do que os Típicos. Os pesquisadores analisaram o comportamento dos cachorros de virar a cabeça enquanto ouvia o tutor pedir um brinquedo e foi constatado que, dos Aprendizes, 43% faziam esse movimento, enquanto entre os Típicos, o número caiu para 2%.

Isso significa que esse comportamento canino pode estar relacionado à memória dos cães, já que os cachorros que têm uma melhor habilidade de memorização viraram a cabeça com uma frequência muito maior do que os que têm mais dificuldade. Ou seja, essa linguagem do cachorro acontece por conta de uma associação de um nome já reconhecido por eles e a imagem do objeto. Além disso, foi constatado que esse comportamento de cachorro está relacionado a uma tentativa de focar mais em um determinado assunto. Ao ouvir uma palavra que já conhecem, inclinam a cabeça de forma a dar uma atenção redobrada ao que está sendo dito. A linguagem canina é surpreendente, não é?

 

linguagem canina: cachorro virando a cabeça

Cientistas ainda não descobriram se raça e nível de inteligência têm relação com o comportamento

 

Durante a pesquisa sobre o comportamento dos cães de virar a cabeça ao ouvir o dono, foi constatado que a maioria dos cachorros que mais repetiam esse movimento eram da raça Border Collie. Curiosamente, o Border Collie é considerado a raça de cachorro mais inteligente que existe. Porém, os próprios cientistas do estudo da linguagem canina afirmam que ainda existem muitas investigações a serem feitas sobre o assunto. Por isso, não é possível afirmar que o comportamento canino de inclinar a cabeça tenha alguma relação com raça ou inteligência, até porque a maioria dos cães Típicos, que viraram menos a cabeça, também eram da raça Border Collie. 

A localização do focinho pode influenciar a linguagem corporal canina

Além desse estudo mais recente sobre comportamento de cachorro, existem outras explicações do porque o cão vira a cabeça para ouvir o tutor. Uma delas está relacionada à anatomia do cachorro. Quando alguém te chama, você automaticamente olha para essa pessoa. O cãozinho também faz isso: ao ouvir você falar com ele, vira em sua direção. Porém, o focinho do cachorro está localizado bem no seu campo de visão, dificultando a visualização da parte inferior do rosto do homem. Para enxergar melhor, o cachorro vira o rosto. 

Isso foi constatado em uma pesquisa voltada à linguagem do cachorro publicada no periódico Psychology Today. O estudo foi realizado com 582 tutores que tinham que avaliar quantas vezes seu cãozinho inclinava a cabeça ao ouvi-lo. O comportamento dos cachorros de focinho com tamanho maior indicou que 71% deles inclinava a cabeça diversas vezes ao escutar o dono. Por outro lado, dentre os cães que têm o tipo de focinho achatado, o número diminuiu para 52%. Juntando essa informação sobre a anatomia canina e os achados relacionados à memória e atenção do cachorro, fica mais claro entender o que leva a esse comportamento canino tão curioso - e fofo - de virar a cabeça ao ouvir o tutor falar. 

Redação: Maria Luísa Pimenta