close
Idoso

Como tornar a vida do seu gato idoso mais confortável?

Gato idoso: a rotina do bichano pode precisar de adaptações durante a velhice
Gato idoso: a rotina do bichano pode precisar de adaptações durante a velhice

Se você tem um gato idoso em casa, com certeza já se perguntou o que pode fazer para deixar a velhice dele mais tranquila e confortável. Além dos cuidados básicos com todo bichano, como limpar a caixa de areia e escovar os pelos, a terceira idade felina demanda algumas adequações na rotina do animal e até no espaço em que ele vive. Isso tudo vai garantir mais segurança e bem-estar ao gato idoso - que pode ou não precisar de cuidados específicos com a saúde se tiver alguma doença. Quer entender mais? Separamos algumas dicas para proporcionar uma velhice com mais qualidade de vida para o seu gatinho!

O gato idoso precisa de lugares confortáveis para descansar

Se normalmente os felinos dormem bastante no dia a dia, as horas de sono aumentam mais ainda se estamos falando de um gato idoso. Um bichano na fase adulta dorme em média de 12 a 16 horas por dia, enquanto um gatinho mais velho pode chegar a dormir por até 18h. Durante o dia, os gatos alternam sonos mais profundos com breve cochilos. Por passar praticamente o dia inteiro com os olhos fechado, é imprescindível que ele tenha um ambiente confortável para descansar e repor as energias.

Os gatos gostam de variar o lugar das sonecas. Além da caminha habitual, é importante oferecer outras opções para o seu bichano, principalmente em cômodos mais silenciosos. Uma rede na cadeira, uma cama suspensa na janela ou mesmo uma toca de papelão com uma almofada dentro são ótimas opções.

Alimentação do gato idoso precisa ser adequada para a idade dele

Um felino precisa comer uma ração adequada para cada fase de vida. A partir dos 7 anos de idade, é indicado que um gato saudável passe a comer uma ração sênior, que terá nutrientes específicos para ajudar no funcionamento do organismo durante a velhice. A ração para gato idoso também tem uma textura diferente: como nessa fase os gatinhos têm os dentes mais frágeis, o alimento é mais macio para facilitar a mastigação. Se o seu gato tem alguma doença crônica, como diabetes ou problemas nos rins, é fundamental conversar com o veterinário dele antes de fazer a troca do alimento.

Faça o teste e descubra qual a personalidade dominante do seu gato!

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Como seu gato reage com a chegada de visitas em casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você está pensando em adotar mais um gatinho. Qual seria a reação do seu felino?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você precisa levar seu gato ao veterinário e na fila ele encontra outro felino. Como ele reage?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato fica incomodado quando as portas de casa ficam fechadas?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta com os outros animais da casa?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Você acabou de chegar em casa depois de muito tempo fora. O seu gato:

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Seu gato deitou em cima da sua cama e dormiu. Qual a sua reação, humano?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seu gato se comporta na hora de se alimentar?

Question Header Background

Gato-humano! Seu gato não perde a oportunidade de estar ao seu lado Gato solitário! Seu gato tem uma personalidade mais quieta e reservada Gato-gato!  Seu gato gosta da companhia de outros felinos Gato curioso! Seu gato está sempre em busca de novas aventuras Gato caçador! Seu gato tem os instintos selvagens mais aflorados
    É essencial que o gato idoso se mantenha ativo para uma velhice mais tranquila
    É essencial que o gato idoso se mantenha ativo para uma velhice mais tranquila

    Mais Lidas

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal
    Cuidados dos animais

    Veja 7 dicas de como acabar com carrapatos no quintal

    O carrapato em cachorro, assim como as pulgas, é uma das principais causas de aborrecimento nos donos de pets. Mesmo usando coleiras ou remédio para carrapato, o animal não está livre de pegar esses parasitas tão incômodos e que podem causar problemas graves. Às vezes, um simples passeio ao ar livre já pode gerar dores de cabeça se o local estiver infestado. Para controle, é importante não só proteger o animal, mas também fazer uma limpeza do ambiente: estudos mostram que os carrapatos podem sobreviver até 200 dias em um lugar sem se alimentar. Pensando nisso, vamos te ensinar como acabar com carrapatos no quintal com ingredientes que você pode ter em casa.

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato
    Cuidados dos animais

    Os 10 erros mais comuns na hora de cuidar de gato

    Até mesmo os tutores mais experientes podem cometer alguns erros quando o assunto é cuidar de gato. Uma dúvida muito comum, por exemplo, é se a castração de gato é realmente necessária. Além disso, muitos humanos cometem o erro de tratar os felinos como se eles fossem cães, embora eles tenham comportamentos claramente distintos. No geral, os gatos são mais reservados, independentes e valorizam muito sua privacidade, diferente dos cachorros. P

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!
    Cuidados dos animais

    O que fazer para o cachorro parar de marcar território: 7 dicas para lidar com o xixi fora do lugar!

    Ter um cãozinho em casa é só alegria, mas é sempre bom que o dono esteja preparado para lidar com alguns comportamentos inconvenientes do animal. Um deles é o xixi fora do lugar para deixar o cheiro em todos os cantos da casa. O que fazer para o cachorro parar de marcar território? O costume é desagradável e pode até tirar o sossego de muitos tutores por aí. Para te ajudar, separamos algumas dicas para evitar que o cachorro marque território em casa e faça xixi onde não deve. Acompanhe!

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas
    Cuidados dos animais

    5 motivos pelos quais seu cachorro coça as orelhas

    Mesmo que muitas vezes sejam esquecidas na hora dos cuidados, as orelhas do seu cachorrinho são bem sensíveis e precisam de bastante atenção. De vez em quando, é comum que algum incômodo pontual faça o seu cachorro ficar coçando a orelha, mas quando isso se torna algo frequente e você percebe um incômodo maior no animal, vale a pena ficar atento.

    A saúde do gato precisa de atenção

    Na velhice, é normal que o gato seja afetado por alguns problemas de saúde, que podem ser de simples tratamento ou gerar efeitos mais graves. Além de manter as vacinas e vermífugo em dia, é importante fazer check-ups a cada seis meses para monitorar o estado de saúde do animal, principalmente o funcionamento dos rins e fígado. A saúde óssea do seu gato também precisa de atenção na velhice, já que a idade pode favorecer o surgimento de algumas doenças ou fraturas. Por isso, tenha atenção com lugares altos para evitar quedas.

    Estimule o seu gato a brincar e se movimentar

    As brincadeiras são importantes em todas as fases de vida de um gatinho. Na velhice, portanto, não deixe de fazer o seu bichano se movimentar com frequência. Estimule o lado caçador do animal com varinhas, bolinhas e outros brinquedos. As brincadeiras também vão ajudar o animal a ficar mais relaxado.

    Redação: Luana Lopes

    Como escolher caixa de transporte para gatos de acordo com o tamanho do pet?

    Próxima matéria

    Como escolher caixa de transporte para gatos de acordo com o tamanho do pet?

    Gato idoso: tudo que você precisa saber sobre saúde, cuidados, alimentação e mudanças de comportamento
    Idoso

    Gato idoso: tudo que você precisa saber sobre saúde, cuidados, alimentação e mudanças de comportamento

    Com uma média de 16 anos de expectativa de vida, o gato idoso precisa de alguns cuidados específicos para uma velhice tranquila. A fase de vida requer algumas mudanças alimentação do gato, exercícios físicos, brincadeiras e cuidados básicos. A idade mais avançada ainda requer mais visitas ao veterinário, já que o bichano mais velhinho está propenso a desenvolver alguns problemas de saúde, como a Síndrome da Disfunção Cognitiva.

    Como limpar a caixa de areia do gato? 5 dicas que vão facilitar a sua vida - mesmo em apartamento!
    Caixa de areia

    Como limpar a caixa de areia do gato? 5 dicas que vão facilitar a sua vida - mesmo em apartamento!

    Não adianta: ter um animal de estimação em casa aumenta consideravelmente a quantidade de tarefas diárias que você precisa fazer para manter tudo em ordem. O trabalho compensa no final, mas para garantir um ambiente confortável tanto para você, quanto para o bichinho, a limpeza não pode ser deixada de lado — principalmente se ele for um gato. Como os felinos são bem organizados e higiênicos, a caixa de areia do gato precisa ser limpa regularmente, já que, se ele não se sentir confortável no lugar certo, vai acabar fazendo xixi e cocô em outros lugares da casa. Confira, aqui embaixo, cinco dicas que vão tornar essa rotina mais simples (mesmo se você morar em apartamento)!

    Idade de gato: como calcular o tempo de vida dos bichanos?
    Comportamento

    Idade de gato: como calcular o tempo de vida dos bichanos?

    A idade dos gatos é algo que sempre desperta muita curiosidade em qualquer pessoa, principalmente porque é o que ajuda a definir a expectativa de vida média dos felinos. Então, como saber o tempo de vida de um felino? A idade de gato vai depender de uma série de fatores, como os cuidados com a saúde animal, alimentação e castração. No entanto, mesmo com essas variáveis, existem alguns cálculos que podem ajudar a determinar a idade dos gatos com mais precisão. 

    Acessórios para gatos idosos: 5 produtos que vão melhorar a vida do bichano na terceira idade
    Cuidados

    Acessórios para gatos idosos: 5 produtos que vão melhorar a vida do bichano na terceira idade

    Quem é tutor de gato idoso sabe o quanto é importante que alguns cuidados sejam tomados na terceira idade. Tornar a velhice do seu bichano mais confortável fará toda a diferença, garantido mais segurança e bem-estar ao seu pet. A terceira idade felina demanda não só adaptações na rotina do animal, como também adequações no espaço em que ele vive. Por isso, investir em alguns acessórios para gatos idosos é o mais recomendado. Nesse sentido, listamos 5 produtos que podem melhorar a vida do seu bichano durante a velhice. Dá só uma olhada!

    Ver Todas >

    Creme dental para cachorro: o que levar em conta na hora de escolher a melhor para o seu pet?
    Cuidados dos animais

    Creme dental para cachorro: o que levar em conta na hora de escolher a melhor para o seu pet?

    Um produto que é essencial para cuidar da saúde bucal dos nossos pets é o creme dental para cachorro. Sim, os cães também podem sofrer com problemas bem desagradáveis, como o tártaro e o mau hálito. Por isso, um cuidado indispensável é escovar os dentes do cachorro regularmente. Mas como fazer isso da forma correta? Para começar, é necessário escolher um bom creme dental canino, já que os cães não podem utilizar as pastas de dente humanas por várias questões. 

    Banheiro de gato: 8 coisas que você precisa saber sobre a caixa de areia do seu bichano
    Cuidados dos animais

    Banheiro de gato: 8 coisas que você precisa saber sobre a caixa de areia do seu bichano

    Todo mundo sabe da importância do banheiro de gato, mas você já parou para se perguntar quantas vezes gato vai ao banheiro? Ou com que frequência é necessário limpar a caixa de areia para gatos? Essas são questões que certamente já passaram pela cabeça de todo gateiro. No entanto, além de ser uma questão de higiene, o tutor também deve prestar atenção em várias outras coisas.

    Coleira de cachorro com nome: 4 motivos para não deixar a coleira com identificação do seu pet de lado
    Cuidados dos animais

    Coleira de cachorro com nome: 4 motivos para não deixar a coleira com identificação do seu pet de lado

    A coleira com identificação para cães é um cuidado importante que muitos tutores deixam de lado. Esse acessório permite que o animal seja encontrado com mais facilidade caso ele se perca. O indicado é que a coleira com identificação para cachorro contenha, além do nome do animal, o telefone dos tutores, endereço e informações médicas ou de comportamento. Dessa forma, se alguém encontrar o pet será mais fácil de levar o cachorrinho de volta para casa.o.

    Mochila de cachorro: para quais pets o acessório é indicado e como usar?
    Cuidados dos animais

    Mochila de cachorro: para quais pets o acessório é indicado e como usar?

    Já ouviu falar na mochila de cachorro? Esse é um acessório que pode ser bem útil em algumas situações do dia a dia, especialmente quando você tem algum compromisso com o cãozinho fora de casa. Existem dois tipos de mochila para cães: aquela que o tutor coloca nas costas para acomodar o pet dentro, e outra que é feita para uso exclusivo do animal. Mas será que todos os cães podem usufruir de ambos os modelos?

    Ver Todas >