close
Passeio

Como passear com cachorro medroso? Veja as dicas de uma comportamentalista para amenizar o problema

Atualizado · 29 de abril de 2021 · 18h15

Publicado · 28/04/2021 · 18h15

Cachorro medroso: entenda o que fazer na hora dos passeios
Cachorro medroso: entenda o que fazer na hora dos passeios

Passear com cachorro é um dos cuidados mais essenciais para oferecer uma boa qualidade de vida e longevidade para o pet. Além de estreitar os laços entre cachorro e tutor, o passeio de cachorro é essencial para a saúde física e comportamental do pet. No entanto, no caso de um cachorro medroso, o passeio pode se transformar em um momento muito complicado devido aos diferentes estímulos que o animal encontra na rua. Atrás de respostas para aprender a lidar com isso, o Patas da Casa conversou com a médica veterinária Renata Bloomfield para dar algumas dicas sobre como passear com cachorro medroso. Confira!

Como passear com cachorro: o que fazer para o pet perder o medo?

A primeira coisa a se fazer é perceber o nível de medo que o animal tem na hora do passeio. Em muitos casos, o medo pode ser uma fobia e demandará um auxílio com tratamento adequado. É o que explica a especialista Renata Bloomfield: “É importante ver o nível de medo que esse animal tem. Se for uma fobia, precisa de um acompanhamento com um médico veterinário especialista em comportamento.” Segundo a profissional, o tratamento pode contar com medicamentos. “Se for um caso de fobia, a gente entra com uma medicação para ajudar esse animal a passar por essa situação, a encarar esse medo e tornar esse passeio mais legal.”

Caso a sensação de medo seja mais leve, a recomendação da médica veterinária começa pela escolha da coleira do cachorro. O acessório deve ser confortável para que ele não associe o momento de ir a rua com algum tipo de punição. A coleira de peitoral é uma boa opção para isso. É normal que os cachorros medrosos puxem a coleira no início, por isso, tente deixar o animal à vontade na sua primeira experiência. “Manter a calma é muito importante, respeitar o tempo do animal também é essencial”, explica Renata. Levar petiscos ou oferecer a refeição do cão durante o passeio também são ótimas dicas para o cachorro associar o passeio a algo positivo.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Passear com cachorro: manter a calma e não forçar situações é essencial para cachorro ver a atividade de forma positiva
    Passear com cachorro: manter a calma e não forçar situações é essencial para cachorro ver a atividade de forma positiva

    Mais Lidas

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!
    Comportamento animal

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!

    Gato cinza, branco, preto, laranja, rajado ou com cores misturadas: o que não falta é variedade quando o assunto é a cor do gato. Esse, inclusive, acaba sendo um dos maiores critérios que os tutores usam na hora de adotar um bichano e, acredite se quiser, isso pode ajudar bastante a entender o comportamento do animal no dia a dia. Nem todo mundo sabe, mas é possível definir a personalidade dos gatos pela cor (ou pelo menos chegar muito próximo disso).

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Linguagem canina: por que seu cachorro vira a cabeça quando você fala com ele?
    Comportamento animal

    Linguagem canina: por que seu cachorro vira a cabeça quando você fala com ele?

    A linguagem corporal canina é tão expressiva que às vezes é possível entender os cães mesmo que eles não falem. Seja qual for a personalidade do cachorro, todos têm um comportamento canino tão revelador que, só de movimentar as orelhas, já dá para perceber o que o pet sente ou quer. Porém, não são apenas os humanos que compreendem a linguagem de cachorro. Já aconteceu de você falar algo com seu cãozinho e ele, imediatamente, virar a cabeça?

    O que pode causar medo no cachorro durante o passeio?

    Existem diversas razões que podem deixar o cachorro com medo na hora do passeio. Muitas vezes os tutores podem acabar forçando o animal a situações que ele não quer e alguns traumas. Se o cão está com medo de outro cachorro, por exemplo, não arraste ele para interagir hipótese alguma. A socialização com os outros animais é importante, mas deve ser feita no tempo deles. Você pode se aproximar do outro tutor segurando a guia e deixar que o cão se aproxime do amiguinho por conta própria. “Os cães se reconhecem pelo cheiro do ânus e do órgão genital, então é importante eles se cheirarem nessas áreas, apesar das pessoas acharem meio estranho, ainda é a melhor maneira de um se aproximar do outro sem ter muito encrenca”, conta a comportamentalista.

    Renata deu mais exemplos sobre o que pode gerar medo na hora de passear com cachorro: “Um cachorro que não foi socializado até os quatro meses pode ter medo de qualquer coisa. Então é importante o animal sempre sair no colo ou na bolsa para poder se acostumar com o barulho e com a rua. Essa falta de socialização pode levar os cães a terem medo de passear na rua. Outra questão é que às vezes eles tomam um susto muito grande na rua e a pessoa já pega o cachorro e leva pra casa. Então a sensação que o cachorro tem da rua é a última. Se o animal se assustou na rua é importante sim tirar ele dessa situação mas dar mais um passeio e deixar ele dar aquela relaxada.”

    Passeio de cachorro: como identificar que o cão está com medo?

    O cachorro medroso costuma demonstrar a sensação com algumas posturas corporais clássicas. Rabo abaixado, corpo tremendo e orelhas para trás os principais comportamentos associados ao medo. Além disso, o cão com medo na hora do passeio costuma olhar para todos os lados e ter salivação excessiva.

    Redação: Hyago Bandeira

    Quais raças de cachorro têm a mordida mais forte?

    Próxima matéria

    Quais raças de cachorro têm a mordida mais forte?

    Como dar banho em cachorro medroso? 3 dicas para amenizar o sofrimento dos bichinhos
    Higiene

    Como dar banho em cachorro medroso? 3 dicas para amenizar o sofrimento dos bichinhos

    A hora do banho em cachorro pode ser o momento preferido do seu amigo de quatro patas, mas se ele for medroso e não gostar muito da água (e, eventualmente, do secador), pode se que você tenha um problema. A higiene do animal não pode ser deixada de lado para que a convivência dele com as pessoas da sua casa continue sendo confortável. Mesmo que você possa usar a estratégia do banho seco de vez em quando, a lavagem geral com água e shampoo é a que funciona de forma mais eficiente. Ou seja: em algum momento você vai precisar ajudar o seu cachorro medroso a superar esse trauma e sofrer menos na hora de ficar cheirosinho. Confira, aqui embaixo, algumas dicas para isso!

    Como acostumar um cachorro com outro? Veja um passo a passo com dicas valiosas!
    Adestramento

    Como acostumar um cachorro com outro? Veja um passo a passo com dicas valiosas!

    Aprender como socializar cachorros é fundamental para quem já tem um doguinho em casa e acabou de adotar outro. Sempre queremos que nossos pets sejam melhores amigos, mas a chegada de alguém novo pode causar estranhamento no início. Se não souber como adaptar um cachorro com outro, podem surgir brigas causadas por ciúmes e disputas de território. Mas não se preocupe, pois com algumas dicas esse processo fica bem mais simples. 

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios
    Cuidados

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios

    Ninguém pode negar: manter uma boa rotina é fundamental para saúde física e mental do ser humano. Mas, além de você, existe outro serzinho que precisa de hábitos diários para garantir um bom funcionamento do seu organismo: o seu cachorro. Ao contrário do que muitos tutores pensam, os cães são animais de rotina e, por isso, mudanças repentinas nos horários podem deixá-los estressados e, até mesmo, depressivos. O horário de passear com cachorro, por exemplo, é um dos que mais impactam o seu bichinho e deve ser o mesmo todos os dias. Para te ajudar nessa e em outras tarefas que envolvem a rotina do seu cãozinho, o Patas da Casa reuniu algumas dicas sobre o assunto. Dá uma olhada!

    Não pode passear com o cachorro na quarentena? Veja 6 dicas para gastar a energia do seu amigo em casa
    Passeio

    Não pode passear com o cachorro na quarentena? Veja 6 dicas para gastar a energia do seu amigo em casa

    Em um período de quarentena, será que realmente vale a pena arriscar e passear com cachorro na rua? Desde que o novo coronavírus surgiu, as recomendações dos principais órgãos de saúde são para que a população evite ao máximo sair de casa. Entretanto, para quem tem um bichinho que está acostumado com os passeios diários, isso pode ser um problema. Mas e se a gente te dissesse que é totalmente possível resolver isso? Existem várias formas de fazer o seu doguinho gastar energia dentro de casa - ou até mesmo dentro do prédio - e, em tempos de quarentena, essa é a melhor maneira de garantir que tanto você quanto o seu pet vão estar seguros! Confira algumas dicas a seguir!

    Ver Todas >

    Cinofobia: entenda mais sobre o medo irracional de cães e o que fazer
    Comportamento animal

    Cinofobia: entenda mais sobre o medo irracional de cães e o que fazer

    Adotar um cachorro e conviver com o bichinho todos os dias é uma experiência incrível e que certamente traz muita alegria para dentro de casa. Mas sabia que nem todo mundo é aberto a isso? Algumas pessoas sofrem com o que chamamos de cinofobia, que é o medo irracional de cães. São pessoas que, por algum motivo, simplesmente não conseguem ficar perto de um cachorro, mesmo quando o animal não apresenta qualquer sinal de agressividade.

    Gato dormindo: infográfico explica o que significa cada posição
    Comportamento animal

    Gato dormindo: infográfico explica o que significa cada posição

    Já parou para se perguntar sobre o significado das posições de gato dormindo? Pode parecer besteira, mas a maneira como o seu bichinho pega no sono tem diferentes interpretações e revela mais do que imaginamos sobre os nossos amigos de quatro patas. Como o gato dorme boa parte do dia - e acredite, isso é totalmente natural no universo felino -, é curioso observar a forma como esses animais se movimentam durante o sono e a posição em que cochilam.

    Cachorro com a língua de fora: o que o ritmo de respiração de um cãozinho revela sobre ele?
    Comportamento animal

    Cachorro com a língua de fora: o que o ritmo de respiração de um cãozinho revela sobre ele?

    É muito comum ver o cachorro com língua de fora após um passeio ou uma brincadeira divertida com o dono. Afinal, ele acabou de realizar exercícios físicos, o que, naturalmente, deixa o cachorro ofegante. Porém, quando vemos o cachorro respirando muito rápido ou com outras dificuldades respiratórias ao longo do dia, é importante ficar alerta. Saber como funciona a respiração do cachorro te ajuda a entender quando o pet está bem e quando há algo de errado no funcionamento do seu corpo. O Patas da Casa te explica tudo sobre o ritmo respiratório do cão e conta o que o cachorro com dificuldade de respirar pode estar dizendo sobre a saúde dele. Confira!

    Gato de cada signo: conheça as raças que mais representam os signos do zodíaco
    Comportamento animal

    Gato de cada signo: conheça as raças que mais representam os signos do zodíaco

    Você sabia que existe um gato de cada signo? Segundo a astrologia, existem 12 signos do zodíaco e cada pessoa tem um de acordo com a posição em que os astros se encontravam no dia em que nasceu, influenciando o seu comportamento. Além dos humanos, acredita-se que o signo de gato também seja uma realidade. Da mesma forma que existe o cachorro de cada signo, existe também o gato de cada signo!

    Ver Todas >