Gato

Como identificar um gato desidratado?

Publicado - 27 Outubro 2020 - 15h20

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Embora não apreciem muito esse hábito, beber água é fundamental para a saúde do gato. Os tutores devem ter bastante atenção na rotina dos bichanos: eles precisam de uma quantidade adequada de líquidos para não desenvolverem complicações no sistema urinário que podem levar à falência dos rins. A curto prazo, um gato desidratado, normalmente em decorrência de algum outro problema de saúde, precisa receber bastante atenção para não chegar a um estado mais grave. Mas como identificar que o gato está desidratado? Reunimos as informações que podem te ajudar a identificar o problema. Confira!

Gato desidratado: como saber? Veja os sinais mais comuns!

O gato desidratado costuma apresentar sintomas como fadiga constante, gengiva seca, abatimento, perda de apetite e respiração ofegante. A desidratação ocorre quando o gato não bebe a quantidade de água necessária. O gato vomitando ou com diarreia também pode levar ao quadro. Além disso, se o animal está se expondo excessivamente ao calor, esses fatores podem contribuir para queda do nível de água do organismo do gato. Os olhos profundos e boca seca são observados em casos mais graves e podem indicar a desidratação severa. O diagnóstico médico da desidratação é feito pelo veterinário com exames de sangue e urina. Essa análise é muito importante para acompanhar a evolução do quadro clínico. Por isso, ao identificar qualquer sintoma, procure seu médico veterinário de confiança.

Gato desidratado: o que fazer?

Além de procurar imediatamente o veterinário, ao suspeitar do caso de desidratação é necessário que você faça com que seu gato beba água em poucas quantidades. Isso porque o excesso de líquido pode fazer o  gato vomitar, piorando ainda mais a situação. O mais indicado é que você prepare um soro caseiro para hidratar o gato, principalmente se houver vômito ou diarreia. O uso de uma seringa vai de ajudar nesse processo. 

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

Gato desidratado: sintomas comuns são fadiga constante, gengiva seca, abatimento, perda de apetite e respiração ofeganteÉ importante fazer com que o gato beba água, mas em pouca quantidade para não piorar o quadro

 

Gato desidratado pode sofrer alterações no apetite

 

A perda de apetite pode ocorrer em caso de desidratação. É preciso prestar muita atenção na alimentação do gato desidratado, pois a desnutrição vai piorar ainda mais o quadro de saúde, levando até a desenvolver alguns distúrbios digestivos. Portanto, estimule o apetite de seu bichinho oferecendo comidas mais úmidas, como o sachê.

Soro para gato desidratado: como fazer?

O soro caseiro é uma ótima opção para ajudar na hidratação de seu gato. Para preparar você só precisará de:

  • 1 litro de água mineral

  • ½ colher de café de bicarbonato de sódio

  • 1 colher de café de sal

  • 3 colheres de sopa de açúcar

  • suco feito de ½  limão espremido (pode-se utilizar o suco de laranja mas neste caso é necessário diminuir a quantidade de açúcar para 2 colheres de sopa)

O modo de preparar é simples. Coloque o litro de água para esquentar no forno até ferver. Depois disso, desligue o fogo e adicione os demais ingredientes, misture e deixe esfriar até atingir a temperatura ambiente. Ofereça o soro caseiro em pequenas doses para o gato. No caso do gatinho não beber naturalmente no bebedouro, você pode utilizar uma seringa para que ele beba o soro. O soro caseiro pode ser mantido na geladeira por até por 24 horas em uma garrafa com tampa.

Redação: Hyago Bandeira

 

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Adote um animal

Esses são os gatos mais caros do mundo - e filhote de um deles pode custar mais de R$600 mil

Os gatos de origem genética rara e aparência exótica conquistam cada vez mais o coração dos gateiros. Além de encantadores na aparên...

Gato

Areia para gato que não deixa cheiro: tutora de 10 gatos indica o melhor tipo e dá dicas de como limpar

Para tutores de muitos gatinhos, a escolha de uma areia para gato que não deixa cheiro por toda a casa é crucial para manter o ...

Comportamento

Cachorro e gato deixam as desavenças de lado e se unem para missão que parecia impossível

Existe uma crença de que cachorro e gato são inimigos naturais. Ao longo dos anos, a relação entre as duas espécies foi retratada na...

Cachorro

Com quantos anos você descobriu que é possível descobrir a idade de cachorro pelos dentes?

Em casos de adoção animal, em que a maioria dos cães são resgatados da rua, é inevitável surgir a curiosidade de qual é a idade do p...

Adote um animal

As 7 raças de cachorro mais engraçadas que existem - o último da lista chama atenção por um detalhe curioso

Cada raça de cachorro tem características físicas únicas e muito particulares. São esses traços que muitas vezes nos ajudam a difere...

Gato

Gato que frequentava Universidade se forma e recebe título de "Doutor em Litter-ature"

Histórias de bichinhos de estimação frequentando a universidade sempre ganham um lugar especial no nosso coração. Foi o que acontece...

Ver todas