Adestramento

Como ensinar o cachorro a fingir de morto e rolar? Veja algumas dicas!

Entenda como ensinar o cachorro a fingir de morto e rolar
Entenda como ensinar o cachorro a fingir de morto e rolar

Comprar ou adotar cachorro é um ato que traz muitas responsabilidades. Além dos cuidados com a saúde e alimentação, saber como lidar com o comportamento canino é algo que faz diferença no dia a dia com o animal. Mas com isso surgem muitas dúvidas: como ensinar cachorro a fazer tal truque? Se você é pai de pet de primeira viagem, não desista. O ensinamento de alguns comandos não é um bicho de sete cabeças e pode ser feito por qualquer um. Um dos truques mais conhecidos do treinamento canino é o de se fingir de morto e rolar. Não sabe por onde começar? Veja algumas dicas que separamos!

Veja como ensinar truques básicos para o cachorro

Rolar e fingir de morto são ensinamentos um pouco mais avançados do treinamento canino. O ideal é que primeiro o seu cão aprenda sentar e dar pata antes de aprender esses truques. Entender a linguagem canina poderá ajudar a iniciar o adestramento, principalmente quando o cão não se mostra muito interessado em aprender. Cada animal tem seu tempo e personalidade, por isso, caso ele não aprenda de primeira não se frustre ou desista. Separe sempre os petiscos em pedaços pequenos para que o cachorro não passe muito tempo mastigando. Uma dica importante é fazer o treinamento durante a hora habitual da refeição do cachorro e se atentar ao tempo de ensinamento. Apenas 10 minutos por dia são suficientes para ensinar os truques ao seu cão.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Como seria o seu domingo perfeito?

Como você fica em um dia de chuva?

Como seria a viagem ideal nas férias?

Como você costuma encontrar os amigos?

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Como é a sua rotina matinal?

Como é a sua agenda no fim de semana?

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Ensinar cachorro a rolar e fingir de morto são comandos mais avançados
    Ensinar cachorro a rolar e fingir de morto são comandos mais avançados

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Como ensinar o cachorro a fingir de morto?

    Esse truque é muito divertido e apesar de ser um pouco mais complexo, pode ser ensinado pelo próprio tutor. Como dito acima, o ideal é que o cachorro já tenha aprendido truques básicos como sentar. Veja o passo a passo de como ensinar cachorro a fingir de morto.

    1. Pegue um pedaço pequeno de petisco e fique segurando em uma posição mais alta. Peça para o cachorro sentar;
    2. Com o cachorro sentado, deixe o petisco no nível do chão até que o cachorro deite. Ele deverá seguir sua posição e fazer o comando. Faça isso reforçando o comando “deita”;
    3. Depois que o cachorrinho deitar, passe a comida de forma devagar em torno do pescoço do pet dizendo o comando “morto”. Se ele obedecer, recompense com o petisco.

    Como ensinar cachorro a deitar e rolar?

    Além de fingir de morto, um ensinamento muito divertido é rolar no chão. Você deverá repetir os passos 1 e 2 do passo a passo acima. Porém, em vez de passar o petisco em volta do pescoço do cachorro, você deverá mover sua mão para o lado, por cima do ombro do doguinho. Faça o movimento incentivando que o cãozinho role - deixar ele cheirar o petisco pode ajudar. Caso ele consiga fazer o exercício, o recompense.

    Redação: Hyago Bandeira

    Casco para cachorro faz mal? Quando é indicado? Quais os cuidados?

    Próxima matéria

    Casco para cachorro faz mal? Quando é indicado? Quais os cuidados?

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios
    Cuidados

    Como criar uma rotina para o seu cachorro? Dicas de cuidados, higiene, alimentação e passeios

    Ninguém pode negar: manter uma boa rotina é fundamental para saúde física e mental do ser humano. Mas, além de você, existe outro serzinho que precisa de hábitos diários para garantir um bom funcionamento do seu organismo: o seu cachorro. Ao contrário do que muitos tutores pensam, os cães são animais de rotina e, por isso, mudanças repentinas nos horários podem deixá-los estressados e, até mesmo, depressivos. O horário de passear com cachorro, por exemplo, é um dos que mais impactam o seu bichinho e deve ser o mesmo todos os dias. Para te ajudar nessa e em outras tarefas que envolvem a rotina do seu cãozinho, o Patas da Casa reuniu algumas dicas sobre o assunto. Dá uma olhada!

    Como é a saúde do Husky Siberiano? A raça de cachorro tem propensão para desenvolver alguma doença?
    Saúde

    Como é a saúde do Husky Siberiano? A raça de cachorro tem propensão para desenvolver alguma doença?

    É praticamente impossível resistir ao charme de um Husky Siberiano. A raça tem uma forte presença, com pelos brilhantes e um olhar penetrante que às vezes até chega a intimidar. Mas quem pensa que eles são cães agressivos devido à semelhança com lobos se engana. No fundo, o Husky Siberiano (filhote ou adulto) é um super companheiro, carinhoso e bastante apegado a sua família. O problema é que a raça pode ter alguns probleminhas de saúde no decorrer da sua vida, mesmo que ele receba todos os cuidados necessários. A seguir, separamos as principais doenças que podem acometer a saúde do cachorro Husky.

    Como fazer roupa de cachorro para os dias frios? Veja 3 dicas fáceis para colocar em prática
    Cuidados

    Como fazer roupa de cachorro para os dias frios? Veja 3 dicas fáceis para colocar em prática

    O cachorro sente frio e calor com as mudanças de temperatura. Neste caso, a roupa para cachorro é uma grande aliada para amenizar a situação nos meses mais frios. Mas, antes de ir em busca da peça no pet shop mais próximo, saiba que é possível fazer uma em casa. Com blusas, meias, calças legging e até mesmo moletons que você não usa mais, é possível montar uma roupa de cachorro bonita, barata e personalizada para o seu amigo.

    Por que cachorro come terra? Veja algumas dicas para lidar com o problema
    Cuidados

    Por que cachorro come terra? Veja algumas dicas para lidar com o problema

    O comportamento canino muitas vezes é intrigante. Quem nunca se perguntou por que o cachorro “cava” a cama antes de se deitar? Ou qual o motivo por trás dos cães que giram em torno do mesmo lugar antes de fazer suas necessidades? São atitudes que, à primeira vista, não parecem fazer sentido, mas que têm lá suas explicações. No entanto, nem todo comportamento é saudável, como é o caso do cachorro que come terra, porque isso pode acabar trazendo problemas para o organismo do animal.

    Ver Todas >

    Por que o olho de gato brilha no escuro? Veja essa e outras curiosidades sobre o olhar felino
    Comportamento animal

    Por que o olho de gato brilha no escuro? Veja essa e outras curiosidades sobre o olhar felino

    Quem nunca se perguntou se o gato enxerga no escuro ou até mesmo se assustou com o olho felino brilhando à noite? O olhar de gato é cheio de particularidades, assim como outras partes do seu corpo. Pais de primeira viagem podem estranhar essas alterações no olhar que são comuns em todos os felinos. Para esclarecer de uma vez por todas essas dúvidas, o Patas da Casa reuniu uma série de curiosidades que vão te ajudar a entender melhor por que a pupila do gato muda de acordo com o ambiente e como os gatos enxergam no escuro. 

    Passear com cachorro: como deixar o pet menos ansioso ao ver a coleira e guia?
    Comportamento animal

    Passear com cachorro: como deixar o pet menos ansioso ao ver a coleira e guia?

    Passear com cachorro é uma das melhores formas de gastar energia dos animais domésticos. Os cães adoram sair de casa, fazer novos amigos e passar um tempo de qualidade com o tutor. O problema é que normalmente a hora do passeio desperta a agitação sem fim nos cãezinhos. Alguns, inclusive, não podem ver a coleira e a guia que já começam a pular e correr pela casa. 

    Brinquedos para cachorro filhote: veja as opções indicadas para o primeiro ano de vida
    Comportamento animal

    Brinquedos para cachorro filhote: veja as opções indicadas para o primeiro ano de vida

    O lado brincalhão dos cães permanece em todas as fases da vida. É por isso que os brinquedos para cachorro são super importantes para oferecer mais qualidade de vida ao pet. Mas é importante escolher o ideal para cada cãozinho: assim como existem brinquedos indicados para cada personalidade canina, a idade também influencia na decisão. Os brinquedos para cachorro filhote devem ser adequados para ajudar na dentição e no desenvolvimento do animal. 

    Por que gatos não gostam de carinho na barriga? Veja algumas teorias e explicações!
    Comportamento animal

    Por que gatos não gostam de carinho na barriga? Veja algumas teorias e explicações!

    Ao contrário do que muitos podem pensar, os gatos são animais que podem, sim, ser amáveis e carinhosos com os seus donos - eles só têm um jeitinho bastante próprio de demonstrar isso. O que acontece é que, diferente dos cães, os felinos são mais reservados e menos expansivos nessas demonstrações de afeto, mas quando é hora de receber carinho, eles gostam (e às vezes até procuram por isso). O problema é que não são todos os lugares do corpo do animal que são indicados para as carícias.

    Ver Todas >