close
Saúde

Cachorro intoxicado por chumbo: veterinária explica tudo sobre o quadro e o que fazer

Atualizado · 28 de junho de 2021 · 19h38

Publicado · 28/06/2021 · 19h38

O cachorro intoxicado por chumbo pode ter sérios problemas de saúde. Saiba mais
O cachorro intoxicado por chumbo pode ter sérios problemas de saúde. Saiba mais

A intoxicação por chumbo representa um grande perigo para a saúde do cachorro. Diferente de outros elementos, como o zinco, que não são prejudiciais para o organismo canino, o chumbo é um metal pesado e extremamente tóxico para o seu pet. Por isso é muito importante saber identificar um cachorro intoxicado e o que fazer nessas horas para não piorar ainda mais o estado de saúde do cãozinho. Nós tiramos as principais dúvidas sobre o assunto com a médica veterinária Caroline Mouco, diretora do Hospital VET Popular. Veja só o que ela nos disse!

Como ocorre a intoxicação por chumbo em cães?

De acordo com a profissional, a intoxicação por chumbo acontece principalmente por meio da ingestão. “Os animais podem ser intoxicados diretamente pelo chumbo ou quando eles ingerem objetos que apresentam a substância em sua composição”. Exemplos disso são o chumbo de pesca e até mesmo alguns cosméticos (especialmente as tinturas de cabelo). Também pode ocorrer a intoxicação por chumbo por meio das vias respiratórias, embora seja bem mais raro.

Mas por que esse composto é tão prejudicial para a saúde dos cães? É simples: conforme Caroline explica, o chumbo é um metal tóxico que se for absorvido pelo organismo interfere no metabolismo e deixa o cachorro envenenado. “Animais jovens estão mais predispostos a apresentar um quadro de intoxicação, já que nesses casos a absorção do elemento é maior por causa das células do intestino durante o crescimento”, conclui.

Cachorro intoxicado: sintomas para ficar atento

Os sintomas de cachorro intoxicado podem confundir muita gente, mas é fundamental saber quais são eles para não deixar de prestar assistência ao seu doguinho nessas situações. O principal sinal de envenenamento é o cachorro vomitando. No entanto, o acúmulo da substância em órgãos como rins, coração, pulmão, cérebro, musculatura e ossos do cachorro também podem provocar alteração nas funções nervosas, renais, gastrointestinais e reprodutivas do animal.

Além disso, outros sinais para ficar de olho são:

• Cachorro com diarreia

• Falta de apetite

• Batimentos cardíacos irregulares

• Convulsões

• Vocalização excessiva

• Sialorreia (produção excessiva de saliva)

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    Intoxicação por chumbo: cachorro vomitando é um dos principais sintomas
    Intoxicação por chumbo: cachorro vomitando é um dos principais sintomas

    Mais Lidas

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser
    Saúde animal

    Feridas em cachorro: veja as mais comuns que atingem a pele do animal e o que pode ser

    As feridas em cachorro podem ter muitas causas e é preciso avaliar a gravidade da situação. Se o seu cão surgiu algum arranhão ou machucados de leve depois de brincar muito com outros animais, o melhor é observar, mas se as feridas na pele do cachorro apareceram do nada você precisa ficar atento e buscar ajuda veterinária. Pode ser um caso de dermatite, alergia de contato ou até picada de algum parasita. O Patas da Casa preparou um guia com as feridas de cachorro mais comuns. Vamos conferir?

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!
    Saúde animal

    Cinomose: tem cura, o que é, quais os sintomas, quanto tempo dura... Tudo sobre a doença de cachorro!

    A cinomose canina é uma das doenças de cachorro mais perigosas e sérias, principalmente porque pode afetar cães de todas as idades e raças e é altamente contagiosa. O que causa cinomose é um vírus da família Paramyxovirus, e quando o animal não é tratado da forma correta, a doença pode até ser fatal (não apenas para o que foi infectado primeiramente, mas para todos os que estiverem em contato com ele). 

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?
    Saúde animal

    Gato no cio: de quanto em quanto tempo acontece e quanto tempo dura?

    Gatos são animais conhecidos pelas suas frequentes fugas quando estão no cio, mas você sabe por quê? Sabe a partir de qual idade a fêmea pode ter o primeiro cio? Esse período pode ser bastante estressante para o felino - e também para o dono -, pois o comportamento do animal muda bruscamente. Está preparado e já está ciente de quanto tempo dura o cio do gato? Nessa matéria vamos tirar essas e outras dúvidas sobre o assunto. Vem com a gente!

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar
    Saúde animal

    Encontrou sangue nas fezes do cachorro? Veja os problemas que o sintoma pode indicar

    Encontrar sangue nas fezes do cachorro é um sinal de que algo está fora do normal. O cocô com sangue em cachorro é uma questão que deve ser sempre levada a sério. Há diversas razões para isso acontecer, desde um episódio momentâneo - mais simples de resolver - até doenças mais graves - como a gastroenterite hemorrágica ou câncer em cães. 

    Cachorro intoxicado: o que fazer ao identificar um cão nessas condições?

    Muita gente se pergunta o que dar para cachorro intoxicado. Será que água e leite ajudam a desintoxicar o cãozinho? A resposta é não. “Não se deve oferecer qualquer alimento ou líquidos como leite e água, pois pode piorar a situação do cachorro”, alerta Caroline. Por isso, nada de procurar por alternativas caseiras na internet para tentar resolver o problema por conta própria, ok? Essa é uma situação de emergência veterinária que precisa de atendimento o mais rápido possível. Não deixe a consulta para depois e nem tente automedicar o seu pet, porque isso vai acabar prejudicando ainda mais o estado de saúde do animal.

    O diagnóstico e tratamento do cachorro intoxicado por chumbo

    A única pessoa que pode avaliar, diagnosticar e tratar o cachorro intoxicado é o médico veterinário. Não é possível determinar com precisão como o tratamento será realizado, conforme a especialista explica: “Isso vai depender do tempo e da quantidade de chumbo que foi ingerida pelo cachorro. Dependendo da gravidade, é feito um tratamento intensivo e de acordo com o estado clínico do paciente”. Esses tratamentos mais intensivos, por sua vez, geralmente levam o cachorro a ficar internado por um tempinho. Quanto antes for realizado o diagnóstico, mais rápido será o tratamento e a recuperação do animal. Por isso é imprescindível buscar ajuda assim que perceber a intoxicação por chumbo em cães.

    Redação: Juliana Melo

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    Próxima matéria

    Coleira antipulgas também protege o cachorro da leishmaniose? Veja o comparativo!

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro
    Grandes

    Galgo Afegão: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro

    O Galgo Afegão, também chamado de Afghan Hound, é um cachorro originário do Oriente Médio com aparência exótica e charmosa, difícil de passar despercebido. O que poucas pessoas sabem é que, por trás da postura elegante e independente do cão Afegão, existe um ótimo companheiro de quatro patas, cheio de energia para gastar e amor para dar. Mas o que é necessário saber sobre essa raça de cachorro antes de comprar ou adotar um exemplar? Como é a personalidade do Afghan Hound e que cuidados são necessários com o cãozinho? 

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana
    Grandes

    Cane Corso: tudo que você precisa saber sobre a raça de cachorro gigante de origem italiana

    Um dos cãezinhos mais surpreendentes é o Cane Corso. Embora ele não seja tão popular quanto outras raças de cachorro grande, como o Labrador e o Golden Retriever, o Cane Corso é dono de um enorme coração e tem uma personalidade incrível. Algumas pessoas podem até se intimidar com o tamanho e a postura imponente do doguinho, mas só quem convive com um Cane Corso sabe como estes cães são adoráveis e carinhosos.

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno
    Pequenos

    Pequinês: tudo o que você precisa saber sobre a raça de cachorro pequeno

    Para quem procura por raças de cachorro pequeno, o Pequinês pode ser a companhia perfeita. Além de se adaptar muito bem a apartamentos e outros espaços reduzidos, esse pequeno cãozinho é dotado de uma personalidade carinhosa, amigável e extremamente leal aos seus humanos. Apesar da baixa estatura, o cachorro Pequinês também é super corajoso, e uma das maiores provas de que tamanho não é documento. 

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande
    Grandes

    Dogo Argentino: tudo o que você precisa saber sobre essa raça de cachorro grande

    Você já ouviu falar no Dogo Argentino? Essa é uma raça de cachorro que teve origem em um país vizinho ao nosso, a Argentina. Embora pareçam sérios, os cães desta raça são uns amores e têm tudo para te conquistar, principalmente se o que você procura é um amigo de quatro patas bem leal e parceiro. Mas antes de comprar ou adotar um cachorro desta raça, que tal conhecê-lo um pouco mais a fundo? 

    Ver Todas >

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!
    Saúde animal

    Gato pega cinomose? Descubra a resposta!

    Você já ouviu falar de cinomose em gatos? Muito se sabe sobre a cinomose em cães, doença altamente contagiosa e que traz diversas complicações à saúde do cachorro. Essa condição é temida por muitos tutores de cães, mas também tutores de gatinhos. Existe uma doença conhecida por “cinomose em gatos”, que parece ser exatamente igual à que atinge os cães. Porém, existem muitas dúvidas se esse termo é realmente o mais adequado para se referir a essa condição. Afinal, a cinomose pega em gato ou a doença acontece unicamente com cães? O Patas da Casa te explica tudo sobre a “cinomose em gatos”!

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina
    Saúde animal

    Verme do coração: veterinário tira todas as dúvidas sobre a dirofilariose canina

    Você já ouviu falar em doença do verme do coração? Se você é tutor de cachorro, é bom se preocupar com ela. A dirofilariose é uma doença muito perigosa, que pode afetar órgãos vitais dos cãezinhos e levá-los à morte. Diferente de outras doenças causadas por verminoses, o verme do coração é transmitido pela picada de mosquitos e, por isso, acaba sendo mais incidente no verão. Mas como identificar o verme no coração do cachorro? Dirofilariose tem cura? Como é feito o tratamento? E o mais importante: como manter o pet longe da doença? Descubra tudo sobre verme do coração em cães a seguir.

    Coleira antipulgas e carrapatos: tudo sobre o acessório de gato
    Saúde animal

    Coleira antipulgas e carrapatos: tudo sobre o acessório de gato

    Se você tem um bichinho de estimação, provavelmente já ouviu falar da coleira antipulgas para gatos. Essa é uma forma bem eficaz de proteger os pets contra pulgas, carrapatos e outros parasitas indesejados - e sim, é isso mesmo: quando se trata da coleira antipulgas, cachorro não é o único animal que pode se beneficiar. Embora a maioria dos felinos domésticos tenha menos chances de sofrer com infestações de parasitas, a coleira antipulga também pode ser usada pelos bichanos.

    Doença do carrapato é contagiosa?
    Saúde animal

    Doença do carrapato é contagiosa?

    A doença do carrapato é capaz de atacar todo o organismo do animal, o deixando frágil e debilitado. Por isso, é considerada uma das doenças mais graves que podem afetar um cão. Além da doença do carrapato em cachorro, existe a doença do carrapato em humanos, que causa sintomas parecidos e também é bastante grave. Entender a causa do problema é sempre a melhor maneira de evitar que ele apareça. Como o próprio nome sugere, a doença do carrapato é contagiosa por conta do aracnídeo. 

    Ver Todas >