Cachorro

Cachorro ciumento? Pesquisa desvenda a relação dos cães com esse sentimento bem conhecido pelos humanos

Afinal, cachorro sente ciúmes? Veja o que pesquisadores estadunidenses descobriram sobre esse comportamento
Afinal, cachorro sente ciúmes? Veja o que pesquisadores estadunidenses descobriram sobre esse comportamento

Quem pensa que o ciúme é um sentimento exclusivo do ser humano está completamente enganado. Há muito cachorro ciumento por aí que muda completamente o comportamento quando um “intruso” invade o seu espaço. Enquanto alguns animais clamam por atenção, colocando-se entre o seu tutor e o “rival”, latindo, rosnando ou choramingando, outros ficam mais agressivos e com sinais de obsessão. Um estudo da Universidade da Califórnia , nos Estados Unidos, de 2004, realizou um experimento social para avaliar se o ciúme realmente faz parte do repertório emocional dos cães. Confira, a seguir, os principais resultados da pesquisa e como se comporta um cachorro ciumento.

Estudo revela como é o comportamento de um cachorro com ciúmes

Ao todo, 36 animais foram testados individualmente pelos cientistas, enquanto seus tutores os ignoravam e interagiam afetuosamente com três objetos diferentes: um cachorro de pelúcia – que latia e abanava o rabo como se fosse de verdade –, um balde em forma de abóbora de halloween e um livro infantil musical.

O estudo apresentou resultados muito interessantes. Os cachorros ficaram significamente mais enciumados com o afeto dos seus tutores com o bichinho de pelúcia em comparação com os outros objetos. A agressão também se destacou, uma vez que os donos acreditavam que seus pets nunca demonstrariam uma postura dominante e agressiva. A verdade é que um quarto dos cães atacou o item que provocou o ciúme. Na fase pós-interação (quando o tutor já havia colocado o objeto no chão), 36% dos cães partiram para cima do cachorrinho de brinquedo.

Os cães testados também empurraram ou tocaram muito mais seus tutores quando eles estavam interagindo com o bichinho de pelúcia. “Esse comportamento de impedir ou interromper a interação foi considerado o principal estado emocional que acompanha o ciúme e o distingue de outras emoções, como a raiva”, afirmaram os pesquisadores.

Descubra se você é um cachorro ou um gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

No fim de semana, você é o amigo que...?

As férias estão chegando! Vai viajar?

Chegou a hora de escolher a comida! Quem é você?

Que música você escolhe para arrasar no karaokê?

E sobre seus cuidados de beleza?

Vai ficar em casa com o mozão? Você prefere:

Ihhh, você recebeu uma crítica no trabalho… Como reage?

Você é um cachorro! Você é um gato! Você é um gatorro!
    Cachorro com ciúmes: um brinquedo compartilhado com outro animal pode desencadear esse sentimento
    Cachorro com ciúmes: um brinquedo compartilhado com outro animal pode desencadear esse sentimento

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia
    Comportamento animal

    As 7 raças de cachorro que mais precisam gastar energia

    Manter a frequência de passeios no dia a dia do seu amigo de quatro patas é algo necessário para todas as raças de cachorro. Além dos benefícios que a socialização desses momentos traz, para muitos animais, essa caminhada é atividade física suficiente para o gasto de energia diário. Raças mais preguiçosas, que só devem se movimentar para manter a saúde, não precisam de muito tempo dedicado a essa área, mas nem todas são assim: para equilibrar, existem algumas raças de cachorro têm energia de sobra. Pensando no bem da saúde do seu animal e buscando evitar que ele desconte essa disposição acumulada em outras partes da casa, nós separamos algumas raças que precisam de agitação para ficar bem no dia a dia. Dá uma olhada!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Cachorro ciumento: os cães realmente acreditaram que o bicho de pelúcia era de verdade?

    Segundo os profissionais envolvidos na pesquisa, os comportamentos agressivos direcionados ao bicho de pelúcia parecem sugerir que, sim, os cachorros acreditaram que o objeto era um animal de verdade. No fim das contas, foi como se o teste tivesse simulado o cenário de um cachorro ciumento com outro cachorro.

    “O padrão de comportamentos, principalmente quando os cães viram seus donos demonstrando afeição pelo que parecia ser outro cão, é semelhante ao leque de comportamentos observados em seres humanos. Esses dados, portanto, apresentam um forte argumento de que os cães domésticos têm demonstração de ciúmes”, concluiu os pesquisadores.

    Quais situações deixam o cachorro com ciúmes?

    Elementos novos dentro de casa ou alterações na rotina podem deixar o seu cachorro bastante ciumento. Na maioria das vezes, o ciúme de cães é causado por mudanças como:

    • Novos moradores;
    • Um novo bebê ou criança na casa;
    • Novos cachorros ou outros animais de estimação em casa;
    • Filhotes;
    • Novos hobbies ou ocupações do tutor dentro de casa;
    • Um brinquedo para cachorro compartilhado com outro animal;
    • Diferença entre quantidade de comida dos cachorros;
    • Falta de exercícios ou diminuição das brincadeiras.

    Tipos de comportamento de um cachorro ciumento

    Os nossos animais de estimação precisam de carinho, cuidados individuais e atividades que os deixem ocupados e felizes. Às vezes, eles não estão dispostos a dividir essa atenção com seu “rival”, que pode ser um novo integrante de quatro patas, uma visita ou um bebê. Veja alguns comportamentos que demonstram que um cão está roído de ciúmes:

    • Um cachorro com ciúmes do outro pode demonstrar sinais de agressão (como morder o “intruso”);
    • O animal começa a fazer as necessidades fora do lugar habitual para que as atenções retornem para ele;
    • Um cachorro com ciúmes do novo filhote pode entrar no caminho para tentar retirar a mão do tutor de cima do jovem cãozinho;
    • Se o bichinho aumentar as demonstrações de carinho com o dono (como lambidas na mão e no rosto), ele pode estar com ciúmes;
    • Na tentativa de competir pela atenção do tutor, alguns cachorros podem rosnar, latir e brigar com outros animais de estimação da casa;
    • Os cachorros podem latir ou rosnar agressivamente quando uma visita chega na casa, tentando afastá-la do dono;
    • Às vezes, quando alguns animais de estimação ficam bravos e enciumados, eles podem se retirar do ambiente que estão.

    Redação: Guilherme Segal

    Cachorro entende quando o outro morre? Como os cães reagem quando perdem um amigo de quatro patas?

    Próxima matéria

    Cachorro entende quando o outro morre? Como os cães reagem quando perdem um amigo de quatro patas?

    Como saber a idade de um cachorro pelos dentes?
    Cuidados

    Como saber a idade de um cachorro pelos dentes?

    Como saber a idade de um cachorro? Não é todo mundo que tem a informação exata de quando um filhote de cachorro nasceu. Felizmente, há algumas formas de calcular a faixa etária aproximada de um animal de estimação e uma delas é pelo estado dos dentes do cachorro. Você pode também buscar sinais de envelhecimento, analisar o aspecto dos olhos e notar alterações de comportamento.

    As 8 raças de cachorro com mais predisposição genética para ter problemas de pele
    Raças

    As 8 raças de cachorro com mais predisposição genética para ter problemas de pele

    Os cuidados com a saúde do seu bichinho de estimação devem vir em primeiro lugar sempre. E na hora de escolher uma raça de cachorro para comprar ou adotar, é fundamental saber tudo sobre o animal, desde os padrões de comportamento até a genética dele. Alguns problemas de saúde podem se manifestar com mais facilidade em determinadas raças, que carregam genes “defeituosos”. É por isso que as doenças de pele geralmente têm um fator congênito por trás.

    Fox Paulistinha: descubra algumas características sobre esse cachorro tão popular no Brasil
    Raças

    Fox Paulistinha: descubra algumas características sobre esse cachorro tão popular no Brasil

    O Fox Paulistinha, também conhecido como Terrier Brasileiro, é um dos cachorros de médio porte mais populares por aqui. Genuinamente brasileiro, o cão é carinhosamente apelidado de paulistinha devido às suas três cores. Sempre brincalhão e carinhoso, o cachorro fox paulista tem disposição o suficiente para as brincadeiras e se apega facilmente ao seus donos. Também pode ser considerada como uma das raças de cães mais versáteis, já que podem viver tanto em apartamentos pequenos como em grandes propriedades. O Fox Paulistinha está na sua lista de possíveis raças para fazer parte da família? Veja algumas características que você precisa saber!

    Dois cães em casa: o cachorro mais novo aprende alguns comportamentos com o cão mais velho?
    Adoção

    Dois cães em casa: o cachorro mais novo aprende alguns comportamentos com o cão mais velho?

    A chegada de um novo cachorro é motivo de muita alegria e, ao mesmo tempo, de observar o comportamento dos animais que já moram na casa. Adotar cachorro filhote é sempre uma experiência inusitada, pois os pequenos não têm vícios de comportamento e são quase uma “caixinha de surpresas”: nunca sabemos qual postura ele vai assumir conforme for crescendo. É comum, porém, que o recém-chegado comece a imitar o cão que já mora no local. Afinal, esse novo membro precisa entender que ali, naquela família, existem regras. O veterano da casa já sabe disso e pode auxiliar o novo filhote a se comportar do jeito que a família deseja.

    Ver Todas >

    Conheça todos os tipos de coleira para cachorro e como usar: modelos, funções e adestramento
    Comportamento animal

    Conheça todos os tipos de coleira para cachorro e como usar: modelos, funções e adestramento

    Cuidar de cachorro é um dos maiores prazeres na vida de qualquer tutor. Tanto é que muitas vezes os cães passam a ser considerados como “filhos” pelos humanos. O que poucos percebem é que, além dos cuidados com a alimentação e saúde do animal, também é importante se atentar a alguns acessórios essenciais para lidar com o cachorro no dia a dia, como é o caso da coleira para cães.

    Como funciona a memória dos cães? Veja essa e outras curiosidades sobre o cérebro do cachorro
    Comportamento animal

    Como funciona a memória dos cães? Veja essa e outras curiosidades sobre o cérebro do cachorro

    Já parou para se perguntar como funciona o cérebro do cachorro? Essa é uma questão que pode intrigar muitos tutores, já que esses animais muitas vezes nos surpreendem com alguns comportamentos. Afinal, não dá para negar que, embora irracionais, os cães conseguem ser muito inteligentes! Eles são capazes de aprender vários tipos de comandos e muitas vezes parecem nos entender como ninguém. Então, como será que funciona a memória e o cérebro de cachorro?

    Quais são as raças de cachorro que vivem mais tempo?
    Comportamento animal

    Quais são as raças de cachorro que vivem mais tempo?

    No mundo canino, a proporção da idade do cachorro é totalmente diferente do que conhecemos entre os humanos. A média de vida de um cãozinho é de 10 a 13 anos, mas isso pode mudar de acordo com o tamanho, raça e cuidados que o animal recebeu ao longo da vida. No entanto, algumas raças de cachorro são conhecidas pela alta expectativa de vida. Um fator absolutamente genético! 

    Como é o temperamento do Poodle?
    Comportamento animal

    Como é o temperamento do Poodle?

    O Poodle é um dos cachorros mais populares do Brasil e um dos motivos para isso está relacionado ao fato desta raça ser super “família”. Muito companheiro e leal aos donos, ele gosta de participar de todos os momentos, desde uma confraternização até um cochilo no sofá. Não importa se estamos falando de um Poodle toy, anão, médio ou standard: todos os tamanhos são muito sociáveis e gostam de fazer novos amigos.

    Ver Todas >