Adotar gato é uma decisão que vem acompanhada de muitas responsabilidades. Por isso, deve ser tomada com cautela: desde a escolha do local da adoção, até a adaptação do animal no seu novo lar. Além disso, é muito importante que todos os moradores da casa estejam de acordo com a chegada do novo membro. Mesmo que não pareça, os bichanos sentem — e muito! — quando há uma “desistência”, principalmente se eles já tiverem começado a se acostumar com a família.

Faça o teste e descubra qual a personalidade dominante do seu gato!

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

E como fazer a adoção? Gato precisa do que na nova casa, e o tutor precisa de quais cuidados para adotar o animal com segurança? O Patas da Casa te mostra no infográfico abaixo todo o passo a passo de como é o processo de adotar gatos. Dá só uma olhada!

Infográfico descrevendo as etapas para adotar um gato

Gatos para adotar: onde procurar um bichano para chamar de seu?

O que não faltam são abrigos e protetores que trabalham com o resgate de animais e procuram adotantes responsáveis. Também existem feiras de adoção espalhadas por várias cidades, que normalmente são divulgadas nas redes sociais. 

Mas uma novidade que surgiu nos últimos anos e que facilitou bastante todo o processo são as plataformas de adoção de gatos online, como o Adota Patas. Com elas é possível adotar gatos e cães a distância: basta preencher um formulário com o bichinho que você mais gostou e incluir algumas informações pessoais suas. Assim, a ong parceira avalia o seu perfil e encontra o bigodudo mais adequado para você!

Adote um gato que seja compatível com a sua rotina

Muita gente escolhe um gatinho pela aparência, e esquecem de avaliar outras coisas importantes, como o temperamento do animal. Por isso, aqui vai uma dica fundamental na hora da adoção: gatos precisam ter uma personalidade minimamente compatível com a sua rotina. 

Se você é o tipo de pessoa que passa o dia fora de casa, viaja bastante a trabalho e não tem ninguém para compartilhar os cuidados com o animal, o ideal é buscar por gatos mais independentes. Já se você tem uma rotina mais tranquila e pode dedicar mais tempo ao seu amigo, pode pegar um gatinho mais apegado.

Segurança, enxoval e consultas veterinárias: providencie tudo que seu felino precisa

Antes de procurar gatos para adoção e assinar a papelada, existem alguns cuidados imprescindíveis para levar um animal para casa. O primeiro deles é telar todas as áreas que dão acesso às ruas. A tela de proteção para gatos é um item obrigatório para garantir a segurança do animal, não importa se você vive em apartamento ou casa. 

Além de evitar acidentes — como uma queda —, as telas são uma maneira de evitar possíveis fugas. Por mais que alguns tutores sejam adeptos de deixar o animal “livre” para dar umas voltinhas, essa é uma atitude muito arriscada. Quando os gatos saem, ficam suscetíveis a doenças, atropelamento, brigas e até envenenamento. A criação indoor — com as telas — é a maneira mais segura de criar um pet.

Quanto ao enxoval para gatos, é basicamente uma lista de itens que simplesmente não podem faltar na rotina do animal. Alguns itens que podem compor o seu enxoval são: caixa de areia para gatos, comedouro, ração, petiscos, fonte de água, arranhadores, caminhas e brinquedos.

Por último, prepare-se financeiramente para bancar as consultas veterinárias! Mesmo que você adote um gato que já tenha sido testado para FIV e FeLV, é fundamental fazer um check-up geral da saúde do pet. Esse também é o momento ideal para fazer todo o ciclo vacinal do pet (caso ele ainda não esteja vacinado).

Adotar gato é pensar também na adaptação do animal na nova casa

Depois que a adoção de gato acontece, chega a hora de testar suas habilidades como pai de pet! Isso significa saber lidar com todas as necessidades, não apenas físicas como mentais, do gato. Adotar é pensar também nos seguintes pilares:

  • Socialização — Os gatos são conhecidos por serem reservados e até um pouco distantes, mas muito disso pode ser solucionado se você souber como socializar gatos. Isso significa estimular a interação entre o animal e outras pessoas ou pets. Aposte em reforços positivos, como um delicioso petisco para gatos, para que o animal faça uma boa assimilação durante as interações (mas nada de forçar a barra se ele não estiver muito disposto, hein?!).
  • Cuidados básicos — Fornecer uma boa ração de gato, fazer a gatificação do ambiente, limpar a caixinha de areia, realizar check-ups periódicos são alguns cuidados que devem fazer parte do dia a dia. Além disso, é bom estabelecer um horário fixo para as refeições, assim como para as brincadeiras, já que os felinos são bem apegados com a rotina.
  • Muito amor — O amor de gato se manifesta nos detalhes! Mas, claro, isso só acontece quando o gatinho também recebe amor e carinho dos seus tutores. Só de cuidar e passar um tempo com ele, seja brincando ou apenas deitadinho por perto, pode ter certeza que seu amigo já vai ficar feliz de ter você por perto. Ronronar, amassar pãozinho e lamber o nariz do dono são alguns sinais de que ele te ama de volta!

O Adota Patas te ajuda a encontrar seu novo pet!

A adoção salva a vida de um bichinho abandonado ou sem lar. Em contrapartida, eles ensinam sobre responsabilidade, cuidado e amor - qualidades que nos tornam pessoas melhores. Não importa com qual espécie você se identifica mais, acredite: sempre terá o pet perfeito te esperando! Além de todo o suporte que você recebe do Patas da Casa para cuidar do seu pet, nós também te ajudamos a encontrar um novo amigo, seja um cachorro ou um gato. 

No Adota Patas, você preenche um formulário indicando exatamente o que busca em um novo pet de acordo com a sua rotina e prioridades (por exemplo, um cachorro que fique bem sozinho por algumas horas e goste de crianças ou um gato que não tem problemas em dividir a casa com outros bichinhos que você já tenha). A partir das suas respostas, a plataforma indica os animais disponíveis nas nossas instituições parceiras que atendem esses requisitos. Clique aqui para conhecer seu novo melhor amigo!

*O Adota Patas atualmente possui parceria com três ONG's em São Paulo. Se você não mora no Estado, fique atento que em breve chegaremos à sua região. 

 

Redação: Juliana Melo e Laura Vieira