Se você tem um bichano em casa, certamente já deve ter ouvido falar sobre a coleira com guizo. O sininho que costuma vir pendurado no acessório serve para facilitar a localização do animal e, por isso, é bastante popular entre os gateiros de plantão. Mas, o que poucos tutores sabem é que esse barulhinho pode causar um estresse e desconforto tremendo no gatinho. O Patas da Casa listou os principais motivos para não usar guizo em gatos. Dá uma olhada!

1) Guizo: gato pode ficar bastante estressado por causa do barulho

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Passar o dia ouvindo um barulho tão próximo ao ouvido pode ser extremamente irritante. Quando se trata de felinos, o incômodo pode ser ainda maior. Por serem animais que têm os sentidos apurados e gostam de calmaria e silêncio, qualquer ruído é capaz de tirar a paz do seu bichano. Por isso, o uso constante da coleira com guizo pode deixar o gatinho estressado, apático e até mesmo assustado, o que prejudica significativamente a qualidade de vida dele.

2) O uso regular da coleira de sino para gatos pode prejudicar a audição do animal

Imagine que você use fones de ouvido com música alta o dia todo e diariamente. Em algum momento, esse hábito pode trazer prejuízos para a sua audição, certo? É exatamente isso que acontece quando o gato usa coleira com guizo. O sistema auditivo dos gatos é tão complexo e sensível quanto o dos humanos e, por isso, um ruído elevado e constante tão próximo aos ouvidos pode contribuir para degeneração dos tímpanos. Para evitar esse problema, o ideal é remover o sininho do acessório e manter apenas a coleira simples.


A coleira com guizo pode deixar o seu gatinho mais estressado e agressivo
A coleira com guizo pode deixar o seu gatinho mais estressado e agressivo

3) A coleira de gato com sino impede que o animal mantenha alguns instintos naturais

Quem divide a casa ou apartamento com um bichano, com certeza já deve ter percebido alguns instintos naturais do animal. Ainda assim, é comum que alguns tutores não saibam que a coleira de sino para gatos pode prejudicá-los e até mesmo inibir esses comportamentos. O hábito de caçar presas, por exemplo, é o principal deles: para realizar isso, o felino precisa ser silencioso e o barulho do guizo faz com que ele seja descoberto facilmente. Para os gatinhos domésticos, o ruído durante a brincadeira de caça com um ratinho ou bolinha pode causar bastante estresse. Por isso, já sabe né? É melhor evitar o sininho.

4) Coleira com guizo: acessório pode afetar a saúde geral do seu bichano

O estresse causado pelo uso da coleira com guizo também pode prejudicar a saúde geral do seu gatinho. Isso porque com o aumento do cortisol contínuo - o hormônio do estresse - pode ocorrer uma imunossupressão. Ou seja: um gato estressado pode ficar mais doente devido ao seu sistema imunológico deficiente. Doenças gastrointestinais, dermatites e infecção urinária ou cistite são os principais problemas de saúde decorrentes do estresse. Para garantir a longevidade do seu bichinho, é importante não usar esse tipo de coleira para gatos.

5) Coleira com guizo pode influenciar no comportamento do gato

Além do estresse, a agressividade é outro comportamento que pode se manifestar em gatos que usam a coleira com guizo. Afinal, qualquer mínimo movimento que o seu bichano faça ao longo do dia será acompanhado por aquele bendito barulhinho, o que pode ser para lá de irritante e até mesmo influenciar no sono do animal. Como consequência, o gato pode ficar mais irritado e agressivo. A tolerância dos felinos ao barulho é mínima, lembra? Por isso, cabe ao tutor contribuir para o bem-estar do seu pet evitando o famoso sininho. 

Redação: Úrsula Gomes