close
Comportamento

Unha de gato: como evitar que o bichano te arranhe em situações do dia a dia?

Atualizado · 10 de novembro de 2020 · 18h06

Publicado · 10/11/2020 · 18h06

Gato arranhando? Cortar a unha de gato é uma das melhores formas de evitar isso. Veja outras dicas!
Gato arranhando? Cortar a unha de gato é uma das melhores formas de evitar isso. Veja outras dicas!

Quem tem um felino, já deve ter se deparado com o gato arranhando alguns móveis, brinquedos e outros objetos. Isso acontece por puro instinto: a unha de gato precisa ser afiada com frequência, já que as garras servem como mecanismo de defesa em situações de perigo e ameaça. No entanto, o problema surge quando vemos um gato arranhando seu humano, seja por causa de uma brincadeira ou como forma de resistência a situações do cotidiano, como tomar banho. Então, como lidar com esse comportamento felino? Para fugir dos possíveis arranhões de gato, separamos algumas dicas que podem ajudar. Veja só!

Comportamento felino: por que os gatos arranham?

São vários os motivos para um gato arranhando seus humanos, e nem sempre isso é um indicativo de que você tem um bichano agressivo. Na verdade, alguns animais têm esse tipo de comportamento porque são brincalhões, mas não possuem muita noção de limite e, por isso, acabam machucando o tutor sem querer. Isso acontece principalmente com os filhotes de gato, que ainda estão aprendendo a lidar com o mundo ao seu redor, ou com gatos adultos que estão se adaptando a um novo ambiente e uma nova família adotiva.

Também não se pode descartar a hipótese de que o animal esteja estressado ou ansioso com alguma situação. Quando o estresse sobe a cabeça, o instinto natural dos felinos é atacar, e isso inclui um gato arranhando tudo que encontra ao seu redor. Nesse caso, é importante analisar se existem motivos para que o bichano se sinta desse jeito. Como muitos sabem, os gatos são animais bastante metódicos e que prezam por uma rotina. Logo, qualquer mudança na vida deles acaba desencadeando problemas no comportamento felino.

Por último, mas não menos importante, vale a pena ficar de olho na saúde do gato. Quando os bichanos estão doentes, eles tendem a ficar mais agressivos, porque é a forma que encontram de dizer que algo não vai bem. Portanto, caso você desconfie que seu pet está com algum probleminha de saúde, o ideal é levá-lo ao veterinário o quanto antes.

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

É só preencher e começar!

Question Quiz Stamp

Depois do expediente de trabalho na sexta, o que você gosta de fazer?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria o seu domingo perfeito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você fica em um dia de chuva?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como seria a viagem ideal nas férias?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como você costuma encontrar os amigos?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Qual o seu tipo de exercício favorito?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua rotina matinal?

Question Header Background
Question Quiz Stamp

Como é a sua agenda no fim de semana?

Question Header Background

Schnauzer e Shih Tzu são raças mais independentes Golden Retriever e Yorkshire gostam de companhia Border Collie e Jack Russell Terrier são aventureiros
    O arranhador para gatos é um ótimo acessório para se ter em casa
    O arranhador para gatos é um ótimo acessório para se ter em casa

    Mais Lidas

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!
    Comportamento animal

    A cor da pelagem do gato determina a personalidade dele? Veja o que a ciência tem a dizer!

    Gato cinza, branco, preto, laranja, rajado ou com cores misturadas: o que não falta é variedade quando o assunto é a cor do gato. Esse, inclusive, acaba sendo um dos maiores critérios que os tutores usam na hora de adotar um bichano e, acredite se quiser, isso pode ajudar bastante a entender o comportamento do animal no dia a dia. Nem todo mundo sabe, mas é possível definir a personalidade dos gatos pela cor (ou pelo menos chegar muito próximo disso).

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Linguagem canina: por que seu cachorro vira a cabeça quando você fala com ele?
    Comportamento animal

    Linguagem canina: por que seu cachorro vira a cabeça quando você fala com ele?

    A linguagem corporal canina é tão expressiva que às vezes é possível entender os cães mesmo que eles não falem. Seja qual for a personalidade do cachorro, todos têm um comportamento canino tão revelador que, só de movimentar as orelhas, já dá para perceber o que o pet sente ou quer. Porém, não são apenas os humanos que compreendem a linguagem de cachorro. Já aconteceu de você falar algo com seu cãozinho e ele, imediatamente, virar a cabeça?

    Gato arranhando o tutor? Veja algumas dicas de como evitar

    • Unha de gato deve estar sempre aparada! As garras desses animais geralmente são a principal ferramenta de ataque, então a melhor maneira de evitar o gato arranhando é aparando as unhas dele. O ideal é cortar a unha de gato pelo menos duas vezes por mês. Assim, mesmo que o bichano reaja com arranhões nas situações do dia a dia, você não sairá machucado.

    • Não assuste seu pet. Qualquer bichinho assustado pode acabar reagindo agressivamente como mecanismo de defesa. Por isso, independente de qual seja a situação, lembre-se de chegar perto do animal com cautela. Se for dar banho nele, tente transformar o momento em algo agradável com brinquedos que ele gosta e petiscos. O mesmo vale na hora de escovar os pelos ou cortar a unha do gato.

    • Invista em brinquedos, como um arranhador para gatos. É praticamente impossível evitar totalmente que os gatos arranhem as coisas. Então, nada melhor do que comprar um acessório que é feito especificamente para isso, não é mesmo? O arranhador para gatos é uma excelente opção de brinquedo e que promete aliviar todo o estresse do seu bichano.

    • Estabeleça limites. Os animais também precisam aprender a respeitar os humanos, e é dever do tutor impor algumas regras e limites para melhorar a convivência com os bichanos. Mas faça de isso de forma amigável e sem punições. Caso contrário, o gato pode se sentir desafiado e começar a agir ainda mais agressivamente.

    • Mostre que você não é o “inimigo”. Os gatos tendem a atacar quando se sentem ameaçados de alguma forma. Se você adotou o pet recentemente, é importante não ser muito invasivo com o espaço dele nesse primeiro momento. Você deve mostrar que está ali como um amigo, e não como uma ameaça. Aos poucos o bichano vai se sentir mais confortável na sua presença.

    • Consulte o veterinário regularmente. Como já foi dito, em alguns casos o motivo para o gato arranhando pode ser doença. Portanto, a melhor forma de garantir que seu pet está firme e forte é observar o comportamento geral dele e fazer visitas periódicas ao veterinário. Assim, é possível fazer um check-up geral da saúde do seu bichano.

    Quem leva um arranhão de gato precisa tomar vacina? Saiba quais são os riscos

    Se você já sofreu com um gato te arranhando, deve estar se perguntando o que fazer e quais os riscos disso, certo? Bom, o primeiro passo é atualizar a vacinação contra o tétano e se certificar de que o animal em questão é vacinado contra raiva. Caso não seja, é necessário vaciná-lo imediatamente. Outro ponto a ser levado em consideração é em relação a doença da arranhadura de gato, que é uma infecção causada pelo arranhão dos felinos. Os sintomas incluem febre e inflamação local, mas desaparecem logo depois de alguns dias e, no geral, não é um quadro muito preocupante, mas ainda assim merece certa atenção, principalmente em casos de pacientes soropositivos ou acometidos por leucemia. 

    Redação: Juliana Melo

     

    Gato-do-deserto: a raça de gato selvagem que fica com tamanho de filhote durante toda a vida

    Próxima matéria

    Gato-do-deserto: a raça de gato selvagem que fica com tamanho de filhote durante toda a vida

    Adotar gato: os produtos que o tutor precisa comprar antes de levar o bichano para casa
    Adoção

    Adotar gato: os produtos que o tutor precisa comprar antes de levar o bichano para casa

    A empolgação de adotar gato muitas vezes toma conta da gente, mas essa não pode ser uma atitude impulsiva. Pelo contrário, deve ser muito bem planejada para fornecer tudo que o bichano precisa nos primeiros dias. Os gatos preenchem o ambiente com muito amor e alegria, mas também exigem alguns cuidados especiais com a higiene, alimentação e outras coisinhas. Felizmente existem alguns produtos capazes de ajudar a deixar o animal mais familiarizado e confortável no seu novo lar, como a caixa de areia para gatos. 

    Adotar gato: 10 motivos que vão fazer você querer se apaixonar por um bichano
    Adoção

    Adotar gato: 10 motivos que vão fazer você querer se apaixonar por um bichano

    “Quero adotar um gato”. Se esse pensamento já passou alguma vez pela sua cabeça é porque falta pouco para um bichano te conquistar de vez - e, acredite, os gatos conseguem isso com uma facilidade incrível. Sim, é isso mesmo: por trás do jeitinho reservado, esses animais são puro amor e companheirismo, e tem tudo para se tornar grandes amigos dos humanos.

    Como acostumar cachorro com gato: 5 erros comuns que você deve evitar
    Comportamento

    Como acostumar cachorro com gato: 5 erros comuns que você deve evitar

    Ter mais de um bichinho de estimação é muito comum em muitas famílias, mas e quando os animais são de espécies diferentes, como cachorro e gato? Algumas pessoas acreditam que a relação entre eles é um pouco problemática, mas não precisa ser assim - inclusive, é super possível fazer com que os dois bichinhos sejam grandes amigos. Tudo é uma questão de saber como acostumar gato com cachorro para que eles aprendam a conviver de um jeito mais harmonioso.

    Primeiros socorros para gatos: saiba tudo o que você precisa fazer em situações de emergência
    Saúde

    Primeiros socorros para gatos: saiba tudo o que você precisa fazer em situações de emergência

    Ainda que os gatos sejam animais que passam praticamente toda a vida dentro de casa, eles não estão imunes a acidentes. Engasgo, intoxicação, envenenamento, convulsões ou atropelamento: em todos os casos, o tutor precisa de conhecimento para agir imediatamente. Pode ser difícil no momento de desespero, mas é essencial manter a calma para ajudar o seu amigo antes de correr para o veterinário mais próximo. Para te ajudar a se preparar para situações de emergência com o seu gatinho, o Patas da Casa preparou um guia completo de primeiros socorros com a ajuda do médico veterinário Frederico Lima. Confira!

    Ver Todas >

    Gato arrepiado: o que o comportamento significa?
    Comportamento animal

    Gato arrepiado: o que o comportamento significa?

    O pelo de gato exerce uma função importante tanto na proteção do corpo e da pele, como também na linguagem corporal felina. Sim, é isso mesmo: mesmo sem um vocabulário, os bichanos são capazes de expressar sentimentos e vontades com movimentos, posições específicas e até mesmo com o estado da pelagem. Se você já viu um gato arrepiado, deve entender do que estamos falando!

    Como treinar cachorro para frequentar locais pet friendly?
    Comportamento animal

    Como treinar cachorro para frequentar locais pet friendly?

    O termo “pet friendly” nunca esteve tão em alta quanto agora. Todo mundo sabe que os cães são grandes companheiros dos humanos e carregam até o título de melhores amigos. Mas, mesmo fazendo parte da nossa família há tanto tempo, foi recentemente que esses pets conquistaram um “espaço” definitivo nos momentos de lazer dos tutores. É aqui que entra a ideia de pet friendly: hotéis, pousadas, restaurantes, shoppings, mercados e vários outros estabelecimentos hoje em dia recebem os peludos de braços abertos (em alguns cidades, como no Rio de Janeiro, é lei!).

    Gatos famosos: conheça os 10 personagens felinos mais icônicos da ficção
    Comportamento animal

    Gatos famosos: conheça os 10 personagens felinos mais icônicos da ficção

    Ao decidir abrir as portas de casa para um bichano, vários tutores se inspiram em nomes de gatos famosos para apelidar o próprio pet. E acredite: existem muitas referências de gatinhos bem populares, principalmente quando entramos no mundo da ficção. Filmes, séries, quadrinhos, gibis, animações: em todos esses cenários é possível encontrar personagens totalmente icônicos.

    Comportamento do gato: aprenda alguns exercícios para estimular a cognição do seu pet
    Comportamento animal

    Comportamento do gato: aprenda alguns exercícios para estimular a cognição do seu pet

    Oferecer brinquedos interativos para gatos e investir em exercícios mentais normalmente são uma excelente forma de estimular as habilidades cognitivas do seu amigo de quatro patas. Afinal, mesmo que os felinos não tenham a mesma capacidade de raciocínio dos seres humanos, eles são bem inteligentes e capazes de aprender muita coisa. Além do mais, quando os instintos selvagens dos gatos são instigados, a cognição também é estimulada. 

    Ver Todas >