Saúde de gato

Se viu a terceira pálpebra do gato exposta, fique atento! Pode se tratar da Síndrome de Haw

Publicado - 30 Junho 2022 - 19h06

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

Já ouviu falar na síndrome da haw em gatos? O nome pode parecer estranho, mas a verdade é que se trata de uma condição relativamente comum caracterizada pela exposição da terceira pálpebra no olho de gato. Sim, os felinos têm três pálpebras, mas apenas duas são visíveis. Quando a última aparece, normalmente é indicativo de que tem algo errado com a vista do animal e é importante procurar o auxílio de um médico veterinário de confiança. Para entender melhor sobre a síndrome de haw, causas e principais sintomas associados, confira a seguir!

O que é a síndrome de haw?

A síndrome de haw é definida como a protrusão bilateral da membrana da terceira pálpebra, também conhecida como palpebra tertia ou membrana nictante. É basicamente como se o órgão estivesse projetado para fora, o que pode causar um certo espanto nos tutores em um primeiro momento. Isso porque essa pálpebra adicional é imperceptível e, anatomicamente, fica “escondida” no canto do olho do gato. A membrana, que possui uma coloração branca, só pode ser vista de relance quando o gato dorme ou está totalmente relaxado (e, nesses casos, não é indicativo de problema nenhum).

A situação só requer atenção quando temos um gato com pálpebra exposta, o que pode afetar apenas um lado, ou os dois olhos do animal. Como a membrana é responsável por proteger o globo ocular e afasta impurezas da região, quando o animal sofre com a síndrome de haw, os olhos de gato ficam expostos a uma série de problemas.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo


A terceira pálpebra do gato exposta deve chamar a atenção do tutor
A terceira pálpebra do gato exposta deve chamar a atenção do tutor

Terceira pálpebra: gato com essa parte do olho exposta é o principal sintoma

Não é difícil identificar a síndrome de haw em gatos. Isso porque a principal característica da doença é justamente a presença da terceira pálpebra exposta - ou seja, quando essa pálpebra fica projetada para fora. O quadro pode acometer apenas um dos olhos ou ser bilateral. Portanto, o principal sintoma da síndrome de haw em gatos é a membrana aparecendo. É importante o tutor ficar atento a outros sinais de desconforto no animal, como a visão prejudicada, olhos comprimidos, o animal esbarrando nos locais ou mesmo o gato se coçando na região dos olhos.

Quais são as causas da síndrome de haw em gatos?

Até o momento, as causas da síndrome de haw são desconhecidas, mas desconfia-se que infecções, neuropatias e outras enfermidades possam ter relação com o problema. Além disso, machucados, lesões e doenças oculares também podem ter como consequência um gato com terceira pálpebra exposta, portanto todo cuidado é pouco. Ao perceber que seu felino está com essa região aparente, o mais recomendado é marcar uma consulta com um médico veterinário especializado em oftalmologia o mais rápido possível. Lá, ele poderá realizar todos os exames necessários para confirmar o diagnóstico e indicar a melhor forma de tratamento, se houver a necessidade.

Redação: Juliana Melo e Luana Lopes

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Gato

As 7 raças de gatos que mais amam conviver com crianças - e os benefícios dessa relação são reveladoras

Para quem tem filhos e sempre quis ter um gatinho em casa, a boa notícia é que existem muitas raças de gatos que se dão bem com os p...

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Ver todas