Gato

Ração renal para gatos: como o alimento atua no organismo dos felinos?

Publicado - 12 Junho 2020 - 18h05

Atualizado - 29 Abril 2024 - 08h12

Todo mundo sabe que os problemas renais são muito comuns em gatos. Isso acontece, geralmente, por causa de uma alimentação ineficiente e também porque os felinos não têm o hábito de beber água com frequência, o que acaba sendo um motivo para a insuficiência renal em gatos. Quando o quadro é detectado, várias medidas precisam ser tomadas para contornar as consequências dessa grave doença, o que inclui uma mudança na alimentação do animal. A ração renal para gatos, por exemplo, ajuda a manter o bichano com uma boa qualidade de vida, mesmo doente. Quer saber mais sobre o assunto? O Patas da Casa entrevistou a veterinária Simone Amado, que é especialista em nutrição animal , e ela vai te contar tudo o que você precisa saber sobre esse tipo de alimento.

Para que serve a ração renal para gatos e quando pode ser indicada?

Se você tem um gato com problemas renais, é bem provável que o veterinário já tenha sugerido alterações na alimentação do felino. Isso porque, dependendo do caso, o ideal é optar pela ração renal para gatos que, segundo Simone, tem o papel de atrasar a progressão da doença renal crônica e aliviar os sinais clínicos dela, aumentando a qualidade e o tempo de vida do animal. “A ração renal é indicada para gatos em tratamento da doença renal crônica a partir do estágio II”, explica.

Contudo, vale destacar que qualquer mudança no manejo nutricional do seu gatinho deve ser feita com o auxílio de um profissional - de preferência com especialização em nutrição animal -, e nunca por conta própria. “O veterinário é o profissional capacitado para indicar o momento ideal para a mudança no manejo alimentar do gato”, orienta Simone.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

Gato cinza de perfil encarando prato com ração
A ração para gato com problema renal deve ser recomendada por um médico veterinário

 

Ração: gato renal precisa de uma alimentação mais específica

Os rins são órgãos muito importantes, tanto para a saúde dos humanos quanto dos felinos. Conforme a veterinária explica, eles são responsáveis pela eliminação das toxinas do corpo, regulação da pressão arterial, produção de hormônios e vitamina D, entre outras funções. Por isso, se houver o comprometimento deste órgão, é importante procurar alternativas para o controle da doença. Existem diferentes tipos de alimentos para os felinos e investir em uma ração para gatos com problema renal, por exemplo, pode ser uma boa solução.

Até porque, com esta ração, gato renal passa a ter uma qualidade de vida totalmente diferente, como você vai ver a seguir. Veja alguns dos benefícios nutricionais dessa alimentação, segundo Simone:

• O alimento utiliza proteínas de altíssima qualidade e alta digestibilidade, gerando assim um mínimo possível de resíduos que um rim doente teria dificuldade de excretar;

• Reduz dos teores de fósforo, um dos maiores vilões na doença renal crônica, sendo uma das medidas mais importantes para evitar a progressão do dano renal;

• Fornece de nutrientes importantes, como ácidos graxos e ômega 3, que têm ação anti-inflamatória e ajuda na redução da pressão arterial sistêmica;

• Reduz o estresse oxidativo da lesão crônica com o fornecimento de teores de substâncias antioxidantes;

• Possui altos teores de vitaminas, principalmente as do complexo B. Devido ao aumento da frequência urinária, essas vitaminas são perdidas em maior quantidade na urina;

• Controla os níveis de sódio, o que auxilia no controle da pressão arterial sistêmica;

Ração renal: gatos têm alguma contraindicação para esse tipo de alimento?

Por se tratar de uma doença grave e que requer uma alimentação bastante específica, a ração renal para gatos têm algumas contraindicações. De acordo com Simone, o alerta vale para filhotes, gatas gestantes ou em fase de lactação, além de casos de comorbidades, ou seja, quando o gato possui mais de uma doença. Nessas situações, a sugestão é que o tutor sempre procure um profissional da área de nutrição animal, que vai entender as necessidades nutricionais do felino e indicar o melhor tratamento com base no estilo de vida do animal.

Ração renal: gato deve passar por um processo gradual de adaptação

Antes de substituir integralmente a ração tradicional pela ração renal, gato deve começar a consumir o novo alimento aos poucos. Lembre-se sempre que mudanças muito bruscas podem acabar prejudicando o processo de adaptação à nova ração e, em alguns casos, o gato pode até acabar se recusando a comer. A substituição precisa ser feita de forma gradual. “O ideal é dedicar 7 dias para a substituição e ir diminuindo a quantidade da ração antiga ao mesmo tempo em que aumenta a quantidade da nova”, sugere Simone. 

Redação: Juliana Melo

Comportamento

Gato não acredita no que vê quando percebe que seus humanos arrumaram um jeito de vigiar sua intimidade

A câmera para monitorar pet é um ótimo investimento para os tutores que passam muito tempo fora de casa, mas estão sempre preocupado...

Por que os gatos saem correndo depois de usar a caixa de areia? Um dos motivos pode ter a ver com instinto selvagem

Bastante higiênicos, os felinos se acostumam desde cedo a usar a caixa de areia para gatos. Para eles, é algo totalmente natural e q...

Veja o motivo desta comida ser considerada a pior de todas para a saúde do seu cachorro

Nem tudo que a gente come é liberado para os cães. Alguns alimentos, inclusive, são considerados bastante tóxicos e prejudiciais par...

Já ouviu falar no reflexo de Flehmen? O gato respirando de boca aberta pode apenas estar tentando sentir melhor os cheiros

Ver um gato respirando de boca aberta pode ser mais comum do que a gente imagina. E, ao contrário do que muitas pessoas pensam, nem ...

Comportamento

Gato não acredita no que vê quando percebe que seus humanos arrumaram um jeito de vigiar sua intimidade

A câmera para monitorar pet é um ótimo investimento para os tutores que passam muito tempo fora de casa, mas estão sempre preocupado...

Por que os gatos saem correndo depois de usar a caixa de areia? Um dos motivos pode ter a ver com instinto selvagem

Bastante higiênicos, os felinos se acostumam desde cedo a usar a caixa de areia para gatos. Para eles, é algo totalmente natural e q...

O que acontece se um cachorro grande cruzar com uma cadela pequena?

O cruzamento de cachorro faz parte do comportamento natural e instintivo desses animais. Os machos estão sempre prontos e disponívei...

Veja o motivo desta comida ser considerada a pior de todas para a saúde do seu cachorro

Nem tudo que a gente come é liberado para os cães. Alguns alimentos, inclusive, são considerados bastante tóxicos e prejudiciais par...

Ver todas