Gato

O poder calmante dos gatos: entenda como os comportamentos felinos influenciam a saúde humana

Publicado - 10 Novembro 2020 - 17h32

Atualizado - 05 Maio 2024 - 14h48

Algumas pessoas tendem a achar que os felinos não são tão amigáveis quanto um cão, mas a verdade é que ter um gatinho é sim sinônimo de felicidade. Os bichanos podem ser um pouco mais independentes e introspectivos que um cachorro, mas a companhia deles é capaz de melhorar a vida de qualquer humano (inclusive no que diz respeito a saúde). É isso mesmo: esses animais exalam um poder “calmante” nos tutores. Seja porque os gatos ronronam ou afofam: o fato é que, de alguma forma, os felinos conseguem tranquilizar os donos e aliviar situações de tensão e estresse. Mas como funciona isso? A seguir, te contamos tudo que você precisa saber sobre o assunto!

Pesquisa revela que tutores de gatos têm menos chances de sofrer um ataque cardíaco

Ter gato faz bem para o coração! Segundo um estudo conduzido pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, ter um gato pode reduzir as chances de um humano infartar em até 33%. Para chegar a este resultado, a pesquisa durou cerca de dez anos e analisou pelo menos 4 mil participantes. Mas qual é a relação entre o comportamento felino e o nosso coração, afinal de contas?

A resposta para isso é simples: os gatos são animais que muitas vezes gostam de ficar no colo e serem acariciados (embora não pareça), e isso é algo que contribui para diminuir o nosso estresse, pressão arterial e até mesmo frequência cardíaca. Ou seja, eles recebem carinho, mas os humanos também saem beneficiados dessa relação, e é justamente por isso que é possível afirmar que os felinos têm esse efeito “calmante” sobre nós.

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

 

Gato laranja em cima de sofá com os olhos fechados
Gatos ronronam porque estão felizes e confortáveis naquele ambiente

 

Comportamento felino: o ronronar dos gatos ajuda a aliviar as tensões do dia a dia

Não dá para negar que o som de um gato ronronando é uma das coisas mais fofas que existe. Mas o que poucas pessoas sabem é que existem diferentes motivos por que gatos ronronam: pode ser uma simples demonstração de afeto e felicidade, como também pode significar fome, estresse e até mesmo medo. No geral, a situação mais comum é quando esse som surge como “resposta” quando pegamos um gato no colo e começamos a fazer carinho nele. Nesses casos, é porque o gato se sente confortável, seguro e feliz de estar ali.

Mas você sabia que essas vibrações também podem ajudar a fortalecer os ossos? Um artigo publicado pela Scientific American revelou que o ronronar dos gatos acelera a recuperação de ossos quebrados nos felinos, e sugere que isso também pode ter certo efeito nos humanos. Não há evidências científicas ainda a respeito disso, mas ainda assim, o ronronar também é outro comportamento de gato que pode ajudar a diminuir ansiedade e tranquilizar o tutor num momento de tensão ou estresse.

Amassar pãozinho também tem um efeito calmante nos humanos

Outro comportamento felino que costuma ser muito intrigante e, ao mesmo tempo, calmante é o “amassar pãozinho”. Na prática, essa atitude nada mais é do que quando os gatos afofam as coisas: seja o humano, o chão ou a própria caminha. Assim como o ronronar, também existe mais de um motivo porque os gatos afofam as coisas. Quando se trata dos humanos, por exemplo, costuma significa que ele está em um momento de tranquilidade e confiança, porque é um movimento que eles faziam com a mãe deles quando ainda eram filhotinhos. Outra explicação possível é que esta é uma tentativa de “marcar território”, já que as glândulas da região liberam odores. De qualquer forma, o que se sabe é que até mesmo esse ato de amassar pãozinho também é capaz de nos confortar nos momentos difíceis.

Redação: Juliana Melo

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Cuidados

Areia de mandioca para gatos: veterinária destrincha tudo sobre a areia do momento, benefícios e indicações

De um tempo para cá, a procura pela areia de mandioca para gatos cresceu consideravelmente. Devido a esse movimento dos consumidores...

Cachorro

Cruzamento de cachorro: tudo que você precisa saber sobre o assunto

O cruzamento de cachorro é um assunto que desperta a curiosidade da maioria dos tutores. Enquanto alguns se preocupam em evitar que ...

Gato

Os melhores gatos para famílias com crianças: veja a lista com as 10 raças mais indicadas

Quando se trata de escolher um bichano para as crianças, algumas raças de gato se destacam por serem os companheiros ideais. Com per...

Comportamento

Tem um gato arranhando o sofá? Cientistas identificaram as causas desse comportamento e mostram como fazer o pet parar

Conviver com um gato arranhando o sofá é um problema que vários tutores têm dificuldade de corrigir. Apesar de ser um instinto nato ...

Adote um animal

Nomes para cachorro com a letra A: mais de 100 ideias para nomear o seu pet

Pesquisar e selecionar nomes para cachorro para o mais novo integrante da família é uma das partes mais divertidas do processo de ad...

Adote um animal

Maltês: 12 coisas que você precisa saber antes de ter um

Se você está em busca de um cachorro fofo e cheio de personalidade, o Maltês talvez seja a escolha perfeita. Esperto, dócil e brinca...

Ver todas