Comportamento

O poder calmante dos gatos: entenda como os comportamentos felinos influenciam a saúde humana

Comportamento do gato: o ronronar e o ato de "amassar pãozinho" ajudam a diminuir a ansiedade dos humanos
Comportamento do gato: o ronronar e o ato de "amassar pãozinho" ajudam a diminuir a ansiedade dos humanos

Algumas pessoas tendem a achar que os felinos não são tão amigáveis quanto um cão, mas a verdade é que ter um gatinho é sim sinônimo de felicidade. Os bichanos podem ser um pouco mais independentes e introspectivos que um cachorro, mas a companhia deles é capaz de melhorar a vida de qualquer humano (inclusive no que diz respeito a saúde). É isso mesmo: esses animais exalam um poder “calmante” nos tutores. Seja porque os gatos ronronam ou afofam: o fato é que, de alguma forma, os felinos conseguem tranquilizar os donos e aliviar situações de tensão e estresse. Mas como funciona isso? A seguir, te contamos tudo que você precisa saber sobre o assunto!

Pesquisa revela que tutores de gatos têm menos chances de sofrer um ataque cardíaco

Ter gato faz bem para o coração! Segundo um estudo conduzido pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, ter um gato pode reduzir as chances de um humano infartar em até 33%. Para chegar a este resultado, a pesquisa durou cerca de dez anos e analisou pelo menos 4 mil participantes. Mas qual é a relação entre o comportamento felino e o nosso coração, afinal de contas?

A resposta para isso é simples: os gatos são animais que muitas vezes gostam de ficar no colo e serem acariciados (embora não pareça), e isso é algo que contribui para diminuir o nosso estresse, pressão arterial e até mesmo frequência cardíaca. Ou seja, eles recebem carinho, mas os humanos também saem beneficiados dessa relação, e é justamente por isso que é possível afirmar que os felinos têm esse efeito “calmante” sobre nós.

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

question quiz stamp

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

Question Header Background
question quiz stamp

As crises alérgicas costumam acontecer:

Question Header Background
question quiz stamp

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Question Header Background
question quiz stamp

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Question Header Background
question quiz stamp

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

Question Header Background
question quiz stamp

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

Question Header Background

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
      Gatos ronronam porque estão felizes e confortáveis naquele ambiente
    Gatos ronronam porque estão felizes e confortáveis naquele ambiente

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Comportamento felino: o ronronar dos gatos ajuda a aliviar as tensões do dia a dia

    Não dá para negar que o som de um gato ronronando é uma das coisas mais fofas que existe. Mas o que poucas pessoas sabem é que existem diferentes motivos por que gatos ronronam: pode ser uma simples demonstração de afeto e felicidade, como também pode significar fome, estresse e até mesmo medo. No geral, a situação mais comum é quando esse som surge como “resposta” quando pegamos um gato no colo e começamos a fazer carinho nele. Nesses casos, é porque o gato se sente confortável, seguro e feliz de estar ali.

    Mas você sabia que essas vibrações também podem ajudar a fortalecer os ossos? Um artigo publicado pela Scientific American revelou que o ronronar dos gatos acelera a recuperação de ossos quebrados nos felinos, e sugere que isso também pode ter certo efeito nos humanos. Não há evidências científicas ainda a respeito disso, mas ainda assim, o ronronar também é outro comportamento de gato que pode ajudar a diminuir ansiedade e tranquilizar o tutor num momento de tensão ou estresse.

    Amassar pãozinho também tem um efeito calmante nos humanos

    Outro comportamento felino que costuma ser muito intrigante e, ao mesmo tempo, calmante é o “amassar pãozinho”. Na prática, essa atitude nada mais é do que quando os gatos afofam as coisas: seja o humano, o chão ou a própria caminha. Assim como o ronronar, também existe mais de um motivo porque os gatos afofam as coisas. Quando se trata dos humanos, por exemplo, costuma significa que ele está em um momento de tranquilidade e confiança, porque é um movimento que eles faziam com a mãe deles quando ainda eram filhotinhos. Outra explicação possível é que esta é uma tentativa de “marcar território”, já que as glândulas da região liberam odores. De qualquer forma, o que se sabe é que até mesmo esse ato de amassar pãozinho também é capaz de nos confortar nos momentos difíceis.

    Redação: Juliana Melo

    Como fazer o cachorro parar de pular nas pessoas?

    Próxima matéria

    Como fazer o cachorro parar de pular nas pessoas?

    Gato idoso: tudo que você precisa saber sobre saúde, cuidados, alimentação e mudanças de comportamento
    Idoso

    Gato idoso: tudo que você precisa saber sobre saúde, cuidados, alimentação e mudanças de comportamento

    Com uma média de 16 anos de expectativa de vida, o gato idoso precisa de alguns cuidados específicos para uma velhice tranquila. A fase de vida requer algumas mudanças alimentação do gato, exercícios físicos, brincadeiras e cuidados básicos. A idade mais avançada ainda requer mais visitas ao veterinário, já que o bichano mais velhinho está propenso a desenvolver alguns problemas de saúde, como a Síndrome da Disfunção Cognitiva.

    Dente de gato: tudo que você precisa saber sobre a saúde bucal dos felinos
    Cuidados

    Dente de gato: tudo que você precisa saber sobre a saúde bucal dos felinos

    Embora seja esquecido por alguns tutores, o dente de gato é uma das partes mais importantes dos nossos amigos felinos. Além de exercer um papel fundamental na alimentação do animal, os dentes influenciam também o comportamento do pet, já que com eles o bichano conhece o mundo na “infância” e também aprende a se defender. Por isso, a saúde bucal dos gatos também necessita de cuidados específicos: os dentes precisam se manter saudáveis para exercerem essas funções que moldam toda a vida do bichinho. 

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!
    Saúde

    Plano de saúde para gatos: quais são as vantagens? Entenda melhor o serviço!

    O plano de saúde para gatos pode ser uma ótima alternativa para quem tem um felino em casa! Os pets fazem parte da família e, como qualquer ente querido, demandam atenção e cuidados especiais. No caso dos gatinhos, essa série de precauções inclui check-ups anuais, vacinas e visitas frequentes ao consultório veterinário. Manter essa rotina saudável não precisa, necessariamente, ser um peso no orçamento.

    Gato com heterocromia: entenda o fenômeno e os cuidados necessários com a saúde
    Saúde

    Gato com heterocromia: entenda o fenômeno e os cuidados necessários com a saúde

    Você já deve ter visto por aí gatinhos com um olho de cada cor, não é?! Essa característica, chamada de heterocromia, é uma condição genética que pode ocorrer tanto em gatinhos, quanto em cães e humanos. Mas você sabia, que em alguns casos, esse charminho no olhar dos felinos pode ocasionar alguns problemas de saúde? Conversamos com a veterinária Andrea Barbosa, que é docente do curso de Medicina Veterinária da Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo. Ela explicou tudo sobre gato com heterocromia!

    Ver Todas >

    Brinquedos para cachorros filhotes: quais as opções mais seguras para até seis meses de idade?
    Comportamento animal

    Brinquedos para cachorros filhotes: quais as opções mais seguras para até seis meses de idade?

    Os brinquedos para cachorro filhote fazem toda a diferença nos primeiros meses de vida do cãozinho, pois servem como estímulos sensoriais que ajudam no desenvolvimento do animal. É importante, porém, que eles sejam apropriados para a idade do pet. Quer saber quais são os melhores brinquedos para filhotes de cachorro de até 6 meses? Então veja abaixo algumas alternativas!

    Cachorro Labrador: a cor da raça indica a personalidade do pet?
    Comportamento animal

    Cachorro Labrador: a cor da raça indica a personalidade do pet?

    Labrador preto, chocolate, caramelo… Existem muitos tipos de cores de pelagem que podem existir na raça Labrador. Cachorro tão popular e querido por todos, o Labrador é conhecido por sua personalidade amigável, carinhosa e divertida - o verdadeiro melhor amigo do homem! A grande variedade de cores de um cachorro Labrador, porém, leva algumas pessoas a se questionarem se a cor da pelagem indica algum traço especial na personalidade do animal. 

    Hotel pet friendly: como funcionam as hospedagens que aceitam cachorros?
    Comportamento animal

    Hotel pet friendly: como funcionam as hospedagens que aceitam cachorros?

    Viajar com cachorro é uma experiência incrível, mas que precisa de atenção. O primeiro passo é procurar por um hotel pet friendly - isto é, um hotel ou pousada que aceita animais de estimação - para que tudo seja perfeito. Existe hotel que aceita cachorro, mas que tem algumas limitações como quantidade de pets por quarto e que tem restrições quanto ao porte do animal (a maioria costuma aceitar apenas animais pequenos ou, no máximo, de porte médio). No entanto, também existem hotéis totalmente pet friendly que são praticamente o paraíso na terra para os nossos amiguinhos de quatro patas.

    Comportamento animal

    "Meu cachorro destrói tudo": o que fazer e como direcionar o comportamento do pet?

    Quem tem um cachorro destruidor sabe bem a sensação de chegar em casa e encontrar o sofá destruído, o controle remoto mordido ou a caminha dele destroçada. Esse comportamento traz problemas tanto para o tutor quanto para o cão e, por isso, é importante saber como evitá-lo. Algumas mudanças na rotina, como comprar uma cama para cachorros destruidores e passear mais com o cachorro, podem ser necessárias para controlar seu pet. 

    Ver Todas >