O Havana Brown é uma raça de gato marrom, com uma coloração semelhante ao chocolate e olhos verdes expressivos. De origem inglesa, a raça chama a atenção por onde passa e seu nome remete aos famosos charutos cubanos. O marrom é considerado uma das cores de gato mais raras que existem e é a principal característica do gato Havana. Por trás dessa aparência fascinante, o “brown cat” tem a personalidade amigável e afetuosa. Se você está curioso para saber mais sobre o gato Havana, confira o guia completo que o Patas da Casa preparou!

Qual raça de gato você é?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

Não tenho pets
Tenho cão
Tenho gato
Tenho cão e gato
Autorizo receber comunicações e publicidade da NESTLÉ®.

Qual a origem do Havana Brown?

O gato Havana Brown possui uma origem pouco conhecida e acredita-se que a raça nasceu a partir de cruzamentos acidentais. A história desse felino começa na década de 1950, na Inglaterra, quando um filhote de gato chocolate nomeado de Elmtower Bronze Idol nasceu, se tornando a base da raça. 

Após anos de seleção criteriosa, a raça Havana Brown foi oficialmente reconhecida em 1958. Seu nome foi inspirado na semelhança da coloração de sua pelagem com a do charuto Havana, famoso em Cuba. Desde então, o gato Havana Brown tem conquistado cada vez mais admiradores ao redor do mundo.

Gato marrom de olhos verdes deitado em cama

Havana Brown: gato possui características marcantes e beleza única

O Havana Brown é conhecido por sua cor de pelagem marrom chocolate, o que não é muito comum em gatos. Essa é uma das características mais marcantes da raça. De pelagem curta e sedosa, a raça não requer muitos cuidados no dia a dia.

O Havana Brown costuma ter os olhos verdes. Sua cabeça triangular e o focinho quadrado conferem à raça uma aparência mais exótica. O Havana é considerado uma raça de porte médio, pesa de 2 a 4 kg e mede entre de 25 a 30 cm. 

Como é a personalidade do gato Havana?

Além de suas características físicas marcantes, o  Havana Brown é conhecido por ser um felino naturalmente afetuoso e sociável. Eles são apegados aos seus donos e gostam de interagir com a família humana. Esses felinos são companheiros e estão sempre prontos para oferecer amor e carinho.

A personalidade curiosa e brincalhona faz com que eles sejam o pet perfeito para famílias com crianças - mas ele também se adapta bem com idosos e outros animais. Além disso, o Havana é um animal inteligente, sendo muito fácil ensinar truques de adestramento de gatos para ele. 

3 curiosidades sobre o gato Havana

1) Assim como a cor dos pelos, o bigode do gato Havana Brown também é marrom, uma característica dentre os felinos que é exclusiva da raça. 

2) A raça é conhecida por se adaptar a diferentes ambientes e por se darem bem com outros animais domésticos, como cães e outros gatos. 

3) O gato Havana Brown é conhecido por sua habilidade de se comunicar de forma vocal, podendo emitir miados suaves e intensos. Ele também pode ronronar com frequência.

Como cuidar de um filhote de Havana Brown?

Assim como qualquer outro gato, o Havana Brown precisa de cuidados básicos para seu bem-estar, principalmente quando filhote. Sendo um ótimo animal de companhia, esse pet precisa de atenção especial para que cresça saudável e feliz.  Aqui estão algumas dicas essenciais para cuidar adequadamente de um filhote dessa raça encantadora:

Alimentação: ofereça ao gato Havana Brown uma dieta equilibrada e adequada às suas necessidades nutricionais. Consultar um veterinário para obter orientações sobre a quantidade de comida e a frequência das refeições é fundamental para manter o felino saudável. Quando filhote, a ração deve ser de alta qualidade e específica para esta fase da vida. A troca da ração de gato filhote para adulto deve ser gradual. 

Higiene: escove o gato Havana pelo menos duas vezes na semana para remover pelos soltos e manter a pelagem brilhante, evitando as bolas de pelo. Além disso, verifique as orelhas regularmente para evitar o acúmulo de cera e possíveis infecções. As caixas de areia devem ser mantidas limpas para o bem-estar do animal.

Brincadeiras e exercícios: a raça do brown cat é ativa e curiosa, por isso é importante oferecer brinquedos interativos, sessões de brincadeiras e arranhadores para manter o gatinho entretido e feliz.

Visitas ao veterinário: leve o Havana Brown ao veterinário para realizar exames de rotina, tomar vacina e ser vermifugado conforme orientação do profissional. O veterinário também poderá fornecer recomendações específicas de cuidados de saúde para a raça.

Gato marrom deitado de lado

O que você precisa saber sobre a saúde do gato Havana Brown

A saúde do gato Havana costuma ser resistente, sendo considerado um felino com pouca predisposição para doenças. Apesar disso, alguns estudos apontam prevalência da raça em desenvolver a Urolitíase por oxalato de cálcio. Conhecido como cálculo renal em gatos, consiste na formação de pedras no sistema urinário (que podem atingir rins, ureteres e bexiga). O tratamento é feito com medicamentos para estimular a liberação das pedras pelo xixi ou, em casos mais graves, cirurgia. 

Outra coisa para o tutor ficar em alerta, é que a raça Havana Brown não costuma ser muito resistente ao frio. Para evitar doenças típicas das baixas temperaturas, como a gripe felina, a dica é tomar cuidados para deixá-lo sempre aquecido dentro de casa. 

Havana Brown: preço da raça varia entre R$ 1.500 e R$ 3.000

Se encantou com o gato Havana Brown e está pensando em ter um? O preço da raça pode variar de acordo com a linhagem, pedigree, reputação do criador e a região em que o filhote foi criado. Em média, o valor para um gato Havana costuma circular entre R$ 1.500 e R$ 3.000, podendo ser superior para certos animais. É essencial pesquisar bastante para encontrar um criador responsável e ter certeza que não está financiando os maus tratos aos animais.

Raio-x do gato Havana Brown

Origem: Inglaterra

Pelagem: Marrom, curta e brilhante

Personalidade: Afetuoso, sociável e curioso

Altura: 25 a 30 cm

Peso: 2 a 4 kg

Expectativa de vida: 8 a 13 anos