Gato

Gato obeso: quando o aumento de peso indica um problema mais sério?

Publicado - 28 Outubro 2019 - 14h00

Atualizado - 11 Abril 2024 - 14h35

O gato já é um animal considerado muito fofinho. Se ele está mais gordinho, então, não há quem resista àquele charme. Mas, um gato obeso pode apresentar sérios problemas de saúde. Afinal, não é de sua natureza (e do biotipo) que estejam acima do peso. Até mesmo os gatos gigantes devem ter um peso compatível com seu tamanho para se manter saudável. Quer entender melhor os riscos que gatos obesos sofrem? Nós conversamos com a veterinária Madelon Chicre: ela explicou todos os problemas que podem vir com a obesidade e o que fazer caso o seu gatinho esteja com excesso de peso. Chega mais!

Gato obeso: como identificar se o bichano está acima do peso?

Alguns sinais podem te ajudar a identificar se o seu gatinho está fora do peso ideal, como explica a veterinária: “Para saber se um gato está obeso, devemos observá-lo com base na tabela de escore corporal”. O método apresenta nove números que indicam o tipo de corpo de um gato, sendo 1 considerado muito magro e 9, obeso. Um gato saudável e com o peso ideal costuma ficar no número 5 da tabela. Segundo Madelon, o ideal é conseguir sentir as costelas e o gato apresentar cintura.

Gatos obesos: entenda o significado dos números da tabela de escore corporal

Imagem Quiz:Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Quais raças de cachorro mais combinam com você?

Preencha todos os campos para participar.

É só preencher e começar!

Escolha uma opção abaixo

1) Gato muito magro: é possível ver as costelas e os ossos da coluna e da bacia. O gatinho não apresenta nenhuma camada de gordura ou músculo pelo corpo e sua barriga fica para dentro;

2) O gato ainda não apresenta nenhuma camada de gordura ou músculo pelo corpo e continua com a barriga pra dentro. É possível ver as costelas do gato, os ossos da coluna e a cintura;

3) O gato já apresenta um pouco gordura na barriga, ainda que seja possível ver as costelas, ossos da coluna e a cintura;

4) Já não é possível ver as costelas do gato. A barriga ainda não aparece totalmente, apesar de já apresentar um pouquinho de gordura;

5) Não é possível ver as costelas, somente sentí-las. A barriga já não fica totalmente para dentro e o gato apresenta uma camada de gordura na região;

6) Não é possível ver as costelas do gatinho, mas ainda dá para sentí-la. A barriga já está mais redonda e há presença de gordura na barriga e no tronco do animal;

7) Não é possível ver as costelas e há dificuldade em sentí-las. A barriga do gatinho é redonda e com presença de gordura na região e no tronco;

8) Não é possível ver e nem sentir as costelas do felino. A barriga se encontra distendida e há gordura na região, no tronco e nas costas;

9) Gato obeso: Não é possível ver e nem sentir costelas, a barriga está distendida e há gordura em todo o corpo do animal.

 

Esse gato da foto equivale ao número 1 na tabela de escore corporal. Nesse caso, ele está extremamente magro.O ideal é que o gatinho esteja no número 5 da tabela de escore corporal. Nem magro, nem com excesso de peso.Gatos obesos: esse felino da foto equivale ao número 9 da tabela de escore corporal. Ele está obeso e apresenta dificuldades de locomoção e para expressar seus comportamentos básicos, como se lamber. Nesse caso, ele precisa fazer uma dieta com acompanhamento de um veterinário.

 

Gato obeso: o que fazer?

 

Caso você perceba que o seu gatinho está obeso, o ideal é levá-lo ao veterinário para que ele possa entrar em uma dieta com rações específicas. O profissional também avaliará se ele não foi afetado por outro problema desencadeado pelo excesso de gordura. Uma das principais doenças que podem surgir é a diabetes felina: ela aparece quando ocorre um aumento da taxa de glicose no sangue do animal pela falta de insulina. O felino também pode apresentar problemas hepáticos, articulares e dermatológicos por causa do excesso de peso. 

É possível que o médico veterinário recomende uma ração para gatos obesos da categoria medicamentosa depois de avaliar o escore corporal do bichano. Segundo a veterinária, as rações “light” e de “gatos castrados” são apenas para manutenção do peso e não para dieta.

Como evitar a obesidade nos gatinhos?

A falta de estímulos para o felino durante o dia a dia, somados a uma alimentação com ração de baixa qualidade, é uma das principais causas do aumento de peso. Por isso, é importante seguir a tabela de quantidade de comida diária que o seu gatinho pode comer. Essa tabela é encontrada nos versos do pacote de ração, sendo dividida pelo peso, idade de animal e nível de atividade. “O ideal é pesar a quantidade do dia, para que não ofereça uma quantidade maior que o necessário”, explica a veterinária. 

A melhor maneira de evitar o excesso de peso no seu bichano é estimulando atividades de enriquecimento ambiental, com brinquedos e instalação de prateleiras e nichos para que ele possa escalar. Vale também investir em brincadeiras que façam ele se movimentar. Os petiscos e sachês para gatos devem ser oferecidos com moderação.

Redação: Júlia Cruz

Gato

Concurso elege as fotos de pets mais engraçadas do mundo todo. Conheça os 30 finalistas!

Cachorros, gatos e outros animais são conhecidos por serem fofinhos, mas ao mesmo tempo eles também podem render ótimos registros fo...

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Gato

As 8 raças de gatos mais brincalhonas e que não dispensam uma boa diversão

Há quem acredite que os felinos não são fãs de brincadeiras devido a natureza sutil e independente da espécie, mas essa afirmação nã...

Gato

Tutora registra o crescimento de filhote de Maine Coon laranja até ele virar um gato gigante

Quando o assunto é gato gigante, o Maine Coon é uma das raças de mais destaque. O gato Maine Coon é considerado a maior raça do mund...

Gato

Concurso elege as fotos de pets mais engraçadas do mundo todo. Conheça os 30 finalistas!

Cachorros, gatos e outros animais são conhecidos por serem fofinhos, mas ao mesmo tempo eles também podem render ótimos registros fo...

Cachorro

Esse alimento barato e milagroso promete aumentar a imunidade do cachorro doente. O que especialistas dizem?

A alimentação de cachorro, seja à base de ração ou não, desempenha um papel fundamental na saúde e bem-estar dos animais de estimaçã...

Comportamento

"Dinofauro" da vida real: cadela com mandíbula curta reproduz meme e ganha o coração da internet

Você se lembra do meme do dinofauro, aquele dinossauro de brinquedo azul com problema de dicção que ficou super conhecido no Faceboo...

Comportamento

Mulher vai abastecer o carro e se depara com a cena mais linda do mundo envolvendo frentista e vira-lata caramelo

Existem vários motivos para adotar um vira-lata caramelo. Um deles é porque esses cãezinhos se destacam bastante pelo carisma e doçu...

Ver todas