Comportamento

Como montar uma árvore de natal à prova dos gatinhos?

Luzes que piscam e enfeites: gatos e árvores de natal possuem uma relação bem curiosa!
Luzes que piscam e enfeites: gatos e árvores de natal possuem uma relação bem curiosa!

Não é difícil encontrar diversos vídeos na internet mostrando a complexa relação entre gatos e árvores de natal. Gatos são animais muito curiosos, então imagina só como o pisca-pisca, os enfeites coloridos e até os presentes são elementos muito atrativos para eles. Essa relação curiosa tem uma explicação: o aguçado instinto caçador dos felinos. Para você não precisar prender a árvore no teto e nem deixá-la em um cercadinho, separamos algumas dicas de como montar a sua árvore de natal à prova de gatos. Ficou curioso? Então continue acompanhando!

Gatos e árvores de natal: entenda essa relação curiosa!

Guirlandas, bolinhas, sinos, enfeites pendurados e várias luzinhas piscando: imagina só como o seu gatinho se sente vendo tanta informação e “coisas legais para brincar” na sua frente. A árvore de natal é um fascínio para os bichanos, isso porque eles são caçadores por natureza e todo esse estímulo os instiga a expressarem esse comportamento. Como são animais que costumam gostar bastante de estar no alto de móveis e prateleiras, eles não se preocupam muito com o tamanho da árvore. Para eles, o que importa é capturar a presa de qualquer jeito. Não tem outra: em questão de segundos a sua árvore pode estar no chão.

Antes de brigar com o seu gatinho, entenda que os objetos suspensos funcionam como uma varinha para gatos, que os estimula a pular e caçar. As luzes, que piscam de forma constante, remetem a pequenas presas. Na ponta da árvore, então, há uma presa ainda maior e solitária - um alvo que os felinos acham muito fácil de ser capturado. Por outro lado, cuidar de gato também é garantir a segurança dele, certo?! A queda da árvore ou dos enfeites pode machucar o felino, portanto você precisa promover um ambiente seguro. O que podemos fazer, então para ter uma relação harmônica entre gatos e árvores de natal?

Faça o quiz e descubra se você tem alergia a gato!

É só preencher e começar! sem cadastros ou formulários.

Como você fica ao chegar na casa de um amigo que tem um gato?

O que acontece quando se aproxima de gatinhos na rua ou em feiras de adoção?

As crises alérgicas costumam acontecer:

O que acontece quando você fica perto de alguém que está com a roupa cheia de pelos de gato?

Como seu corpo reage ao entrar em contato com um filhotinho de gato na rua?

Quais são os seus sintomas mais comuns durante uma crise alérgica?

O que você faz para melhorar um quadro de alergia?

É bem provável que você tenha alergia a gatos e precise consultar um especialista As crises alérgicas fazem parte da sua rotina, mas será que é por causa dos gatos? Passe livre para ter um gatinho: você não tem alergia aos bichanos!
    É importante cuidar de gato para que ele não se machuque ao brincar com a árvore
    É importante cuidar de gato para que ele não se machuque ao brincar com a árvore
    Gatos e árvores de natal: separamos dicas de como ter uma árvore à prova de felinos
    Gatos e árvores de natal: separamos dicas de como ter uma árvore à prova de felinos
    É importante cuidar de gato para que ele não se machuque ao brincar com a árvore
    Gatos e árvores de natal: separamos dicas de como ter uma árvore à prova de felinos

    Mais Lidas

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor
    Comportamento animal

    Como o gato reconhece seu dono? Descubra esse e outros comportamentos da relação de um felino com o tutor

    A companhia dos felinos é uma delícia, mas tem lá seus desafios, principalmente na hora de tentar entender a linguagem dos gatos. Por serem mais reservados, muitos tutores ficam na dúvida se esses animais realmente apreciam a presença dos humanos, se perguntando como os gatos nos veem. Será que eles são capazes de nos entender? Como o gato reconhece seu dono? Como saber se eles gostam da gente? Para tentar desvendar de uma vez por todas alguns dos comportamentos do gato em relação ao seu tutor, preparamos uma matéria bem especial. Vem com a gente e saiba mais sobre o assunto!

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)
    Comportamento animal

    Mordida de gato: 6 coisas que motivam esse comportamento nos felinos (e como evitar!)

    Os felinos não são muito associados com o ato de morder. Diferente dos cachorros, o comportamento é bem menos frequente nos felinos. É justamente por isso que muita gente acaba ignorando as mordidas por subestimar a força do animal e achar que não vai machucar. A mordida de gato não só pode ocorrer por muitos motivos, como também podem causar acidentes. Geralmente, os gatos dão alguns sinais que antecipam a mordida e é importante que você aprenda a reconhecê-los, assim como também entender as razões que levam o felino a ter essa atitude. Preparamos uma matéria completa sobre o assunto, então chega mais e vem entender porque os gatos mordem!

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?
    Comportamento animal

    Comportamento felino: por que os gatos pedem comida mesmo com o pote cheio de ração?

    Não é segredo para ninguém que os gatos são muito exigentes com alimentação e higiene. E um hábito muito comum observado por todo gateiro é o gato pedindo comida mesmo quando o pote de ração está cheio: eles manifestam a insatisfação com a comida “velha” com muitos miados para chamar a atenção do tutor. Esse é mais um curioso comportamento felino com muitas explicações coerentes por trás.

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos
    Comportamento animal

    Por que os gatos afofam as cobertas e os humanos

    Quem tem um gatinho já deve ter percebido que eles costumam afofar ou “amassar pãozinho” em algumas circunstâncias específicas. Os movimentos lembram uma massagem. Antes de deitar, quando estão no colo do dono ou quando encontram uma coberta fofinha e macia. Se mesmo sem saber porquê eles fazem isso a gente já acha a coisinha mais linda do mundo, imaginem depois de saber? Vem com a gente desvendar!

    Gatos e árvore de natal: alguns truques podem te ajudar

    Não precisa abrir mão de ter uma árvore de natal. Algumas pessoas costumam cercar a árvore para o felino não se aproximar, mas isso nem sempre funciona, pois alguns gatinhos gostam mesmo de pular no topo da estrutura. Assim, separamos algumas dicas que podem ajudar a melhorar essa relação entre gatos e árvores de natal - sem prejudicar o animal e nem acabar com a magia da celebração. Confira: 

    1) Coloque papel alumínio ou fita crepe na base da árvore 

    Se o seu gatinho tem o hábito de brincar com os presentes e enfeites que ficam mais perto da base da árvore, você pode cercar o suporte com papel alumínio ou fita crepe. Os gatos não gostam desses materiais, nem para arranhar as unhas e nem para pisar, pois podem grudar na patinha. Essa alternativa não machuca o animal e, na verdade, vai fazer com que ele entenda que, ao chegar perto da árvore, pode pisar em algo que não gosta. 

    2) Considere uma árvore de natal menor

    Claro que uma árvore de natal grande e cheia de enfeites chama a atenção, mas você pode ter uma árvore menor e deixá-la tão bonita quanto uma grande. Além disso, se o gato pular em uma árvore pequena, o estrago será mais fácil de resolver.

    3) Espere um pouco antes de decorar a árvore de natal

    Que tal dar um tempo para o seu gatinho se acostumar com a árvore? Ao invés de montar tudo de uma vez e aguçar a curiosidade do bichano, experimente decorar a árvore aos poucos. No primeiro dia, deixe a árvore sem nenhuma decoração e observe como ele reage. Depois, coloque as bolinhas, as luzes, e vá observando o que atrai ou não o seu gato. Assim, você vai saber exatamente o que o deixa fascinado e poderá evitar essas decorações para manter a árvore em pé.

    4) Evite reforçar esse comportamento ao brincar com o gato

    É muito bonitinho quando o gato faz gracinhas para pegar um objeto que fica suspenso, mas ao achar isso legal, estamos reforçando um comportamento que mais tarde pode levar à queda da árvore. Quando ele manifestar o interesse de brincar, procure outros brinquedos que ele goste e redirecione a atenção dele.

    5) Use enfeites de outros materiais e que vão atrair menos a atenção do gatinho

    Sabemos que para algumas pessoas é muito importante ter uma árvore de natal impecável. Mas você pode procurar outros enfeites que chamam menos a atenção do gato e que vão continuar deixando a árvore bonita, como enfeites de feltro e papel, que ao caírem não vão quebrar. Bolinhas de plástico, por exemplo, podem ser tão elegantes quanto as bolinhas de materiais menos resistentes. Evite usar o festão, que pode asfixiar o gato. 

    Redação: Júlia Cruz

    Brinquedos para cachorro com barulho: por que eles amam tanto?

    Próxima matéria

    Brinquedos para cachorro com barulho: por que eles amam tanto?

    Nomes para gatos Siamês: veja uma seleção com 100 dicas de como nomear o gatinho da raça
    Raças

    Nomes para gatos Siamês: veja uma seleção com 100 dicas de como nomear o gatinho da raça

    Escolher o nome de um novo integrante da família é uma tarefa muito difícil. O gato siamês é um pet muito carinhoso e ao pensar em nomeá-los podemos sempre procurar as opções mais fofinhas possíveis. Além da doçura, podemos levar em conta as características físicas do bichano, ou até mesmo se inspirar em personalidades da cultura pop. O nome de gato siamês ideal para o seu novo bichinho de estimação é aquele que une a sua personalidade com as características do bichano. O gato siamês é originário do sudoeste asiático e possui uma aparência inconfundível. Com seus olhos azuis e pelagem em tom creme e chocolate, ele já encanta o lar de muitas pessoas pelo mundo. Para te ajudar na missão de nomear seu novo felino, o Patas da Casa fez uma seleção de 100 nomes para gatos siameses. Confira!

    Como manter seu gato seguro perto da árvore de Natal?
    Cuidados

    Como manter seu gato seguro perto da árvore de Natal?

    Com as festas de fim de ano se aproximando, é praticamente impossível não pensar nas árvores de Natal, que são praticamente um símbolo dessa época. Mas e quem tem um gatinho em casa? Como se preparar para esses dias festivos? Como todos sabem, gatos e árvores de Natal não são exatamente a melhor combinação do mundo. Os felinos, inclusive, são experts em destruir o acessório natalino, e o que não faltam são vídeos na internet mostrando isso. Então, qual é a melhor forma de manter os gatos e árvores de Natal seguros? Separamos algumas dicas que podem te ajudar nessa missão. Veja a seguir!

    Nomes para gatas: confira uma lista com 100 sugestões para chamar a sua gatinha
    Adoção

    Nomes para gatas: confira uma lista com 100 sugestões para chamar a sua gatinha

    Na hora de adotar um gato, existe uma série de fatores que devem ser levados em consideração, entre eles como você chamará o animal. Quando se trata de nomes para gatas, é comum que as opções mais fofas e meigas sejam as favoritas entre os tutores. Mas a verdade é que existem centenas de opções de nomes para gatos fêmeas que podem entregar as características físicas e, principalmente, a personalidade da nova integrante da família. 

    PIF felina: conheça a Peritonite Infecciosa e saiba como a doença se desenvolve nos gatinhos
    Saúde

    PIF felina: conheça a Peritonite Infecciosa e saiba como a doença se desenvolve nos gatinhos

    Os gatinhos, ao longo da vida, podem se deparar com três doenças muito graves: a FIV (Imunodeficiência Felina - também conhecida como a AIDS felina), a FeLV (Leucemia Felina) e a PIF. A última, conhecida como Peritonite Infecciosa Felina, é menos comum que as outras duas, mas tão prejudicial quanto. A doença também não possui cura e nem tratamento. Quer saber mais sobre essa doença tão prejudicial à saúde dos gatos? Conversamos com o médico veterinário Frederico Lima, do Rio de Janeiro. Chega mais!

    Ver Todas >

    Cachorro na janela do carro: por que eles amam tanto?
    Comportamento animal

    Cachorro na janela do carro: por que eles amam tanto?

    É bem provável que você já tenha visto um cachorro na janela do carro curtindo o ventinho no rosto ou até tenha presenciado o seu doguinho fazer isso. Essa é uma situação super comum, principalmente quando os donos decidem viajar com cachorro de carro ou nas idas para o veterinário. Mas já parou para se perguntar por que esses bichinhos gostam tanto de ficar com a cabeça na janela? Será que é só por uma questão de aventura, ou existe explicação por trás do comportamento?

    Como escolher a bolinha para cachorro ideal de acordo com a idade, tamanho e energia do seu pet?
    Comportamento animal

    Como escolher a bolinha para cachorro ideal de acordo com a idade, tamanho e energia do seu pet?

    Quem nunca viu um cachorro correndo atrás de uma bola? A  bolinha para cachorro  é clássica e um dos brinquedos preferidos desses animais. Qualquer cãozinho quando vê uma bola se diverte bastante, principalmente aqueles mais energéticos e ativos. Porém, engana-se quem pensa que toda bolinha é igual, porque há uma infinidade de modelos que podem ser comprados. Não existe um melhor que o outro, mas sim o que é mais adequado para cada tipo de cachorro, levando em conta a idade, tamanho e nível de energia.

    Adestrar gato: como é o processo de aprendizagem dos felinos? (spoiler: é bem diferente dos cães)
    Comportamento animal

    Adestrar gato: como é o processo de aprendizagem dos felinos? (spoiler: é bem diferente dos cães)

    O adestramento de cachorro é super conhecido por aí, mas algumas pessoas não sabem que os gatos domésticos também pode ser treinados. Adestrar gato também promove muitos benefícios à rotina do pet, além de aproximá-lo do tutor e mudar comportamentos inadequados. No entanto, o processo de adestramento do gato é bem diferente do que já estamos acostumados com os cães. 

    Como socializar gatos? 5 segredos para tornar tudo mais fácil
    Comportamento animal

    Como socializar gatos? 5 segredos para tornar tudo mais fácil

    Um dos grandes desafios que vários tutores enfrentam é não saber como socializar gatos corretamente, o que pode desencadear problemas de convivência, como ciúmes e brigas. Normalmente, o período mais indicado para fazer a socialização é quando o gato ainda é um filhotinho, porque ele ainda está se adaptando ao mundo e fica mais fácil de apresentá-lo a novas experiências. 

    Ver Todas >