close
Ração de cachorro

Ração de gato e ração de cachorro: quais as diferenças nutricionais entre os alimentos de cada espécie?
Ração

Ração de gato e ração de cachorro: quais as diferenças nutricionais entre os alimentos de cada espécie?

Se você tem um cachorro e um gato em casa, já deve ter se questionado sobre a diferença na alimentação de cada espécie. Afinal, gato pode comer ração de cachorro e vice-versa? A ração de gato tem nutrientes diferentes do alimento oferecido aos cães? Tiramos todas as dúvidas sobre a alimentação desses animais e os cuidados que você deve tomar!

Alergia alimentar em cães: quais são as causas, sintomas e tratamentos?
Ração

Alergia alimentar em cães: quais são as causas, sintomas e tratamentos?

A alergia alimentar em cães é uma resposta exagerada do sistema imunológico a determinados agentes invasores presentes na ração de cachorro e outros alimentos. O cachorro com alergia alimentar pode se tornar alérgico a diversos tipos de comidas, incluindo aquelas que já fazem parte do consumo do dia a dia há anos. Geralmente, os fatores mais comuns que geram alergia em cachorro são a presença de corantes nas rações e o tamanho da proteína processada. 

7 dicas para fazer o seu cachorro comer mais devagar
Ração

7 dicas para fazer o seu cachorro comer mais devagar

Alguns cães podem ser bem desesperados quando se trata de comida. Apesar de ser muito comum, principalmente em cachorros filhotes, saiba que esse comportamento não é o ideal e pode comprometer o sistema digestivo do seu animal no futuro. Se o seu cachorro come muito rápido, existem algumas técnicas para contornar esse comportamento e tornar o momento da refeição menos agitado. Para isso, você pode usar alguns objetos que transformam a comida em um “desafio” para o cachorro e até mudar alguns hábitos da rotina mesmo.

Como armazenar a ração de cachorro da forma correta?
Ração

Como armazenar a ração de cachorro da forma correta?

São tantas opções de ração para cachorro nas prateleiras dos petshops que fica até difícil saber qual é a melhor para o seu amigão, né? Quem tem um bichinho em casa, sabe bem como a alimentação é um dos fatores primordiais para a saúde e bem-estar do seu amigo, e é claro que não dá para poupar esforços na hora de escolher a ração mais adequada para ele. Porém, de nada vale escolher a melhor das rações se você não souber como armazená-la direitinho e em boas condições. A exposição inadequada do alimento pode desencadear uma série de doenças nos animais, além da perda do seu valor nutricional. Por isso, é importante ter cuidado tanto na hora de comprar a ração, quanto na hora de guardá-la. Vem que a gente te conta como você pode fazer isso do jeitinho certo!

Quais as diferenças nutricionais entre a ração para cães filhotes e adultos?
Ração

Quais as diferenças nutricionais entre a ração para cães filhotes e adultos?

Se você tem um animal de estimação em casa, já deve ter questionado se tem problema oferecer uma ração para filhotes a um cachorro adulto ou vice-versa. Provavelmente já se perguntou também quais as diferenças entre cada tipo e qual o momento certo para fazer a transição sem prejudicar o crescimento do bichinho. É justamente esse o ponto: cada alimento tem particularidades nutricionais que contemplam as necessidades do animal para aquela fase específica da vida. Ou seja, a escolha do alimento certo é fundamental para garantir o desenvolvimento saudável do filhotinho ou para manter o cachorro adulto em sua melhor forma.

Vitamina para cachorro: veterinária explica em quais situações os suplementos são recomendados!
Ração

Vitamina para cachorro: veterinária explica em quais situações os suplementos são recomendados!

Quando falamos da alimentação dos nossos peludos, sempre surge aquela preocupação em relação aos nutrientes. A ração é suficiente para que se mantenham fortes e saudáveis ou é necessário inserir uma vitamina para cachorro nessa rotina? A verdade é que depende de muitos fatores e um deles é o estado geral da saúde e a idade do animal. A escolha de uma ração de qualidade é determinante para oferecer todos os nutrientes que ele precisa. Cães filhotes, idosos e cadelas prenhas, por outro lado, podem acabar precisando de um suplemento vitamínico. Para entender melhor em quais situações a vitamina para cachorro é recomendada, conversamos com a Caroline Mouco Moretti, médica veterinária e diretora clínica do Grupo Vet Popular. Veja o que a especialista falou!

Ração úmida ou seca para cachorros: qual é a melhor?
Ração

Ração úmida ou seca para cachorros: qual é a melhor?

A ração é uma das principais preocupações de quem tem um grande amigo em casa. Quando o assunto é alimentação, várias dúvidas surgem: o que ele pode comer, qual é melhor, que tipo de ração é adequada para o seu pet. As versões seca e úmida são os tipos de alimento oferecidos, e com a diversidade de produtos disponíveis no mercado, fica até difícil escolher o que se adequa mais ao seu bichinho. Se esse é o seu caso e você não consegue decidir qual comida é melhor para o seu cachorro, tire todas as suas dúvidas aqui e descubra como alimentá-lo melhor.

Vitamina para cachorro idoso: é necessário?
Ração

Vitamina para cachorro idoso: é necessário?

Depois da fase de filhotes, a terceira idade é um dos períodos mais delicados no que se trata da saúde de um cachorro. Assim como acontece com os humanos, é comum que eles fiquem com o organismo naturalmente mais debilitado e que, por isso, não consigam mais manter o mesmo ritmo da juventude.

Onde colocar a comida do cachorro? Saiba também como escolher a melhor opção
Ração

Onde colocar a comida do cachorro? Saiba também como escolher a melhor opção

Comida de cachorro sempre envolve muitas dúvidas: quantidade, horários, quantas vezes ao dia, qual a melhor ração, etc. Mas você sabia que os cachorros precisam não só de um local como de uma altura específica para os potes de ração e água não causarem problemas na coluna ou na digestão? Outro ponto muito importante é não colocar a alimentação perto do tapete higiênico ou do jornal onde eles fazem as necessidades. Isso pode causar com que eles não se alimentem ou não aprendam o local de fazer xixi e cocô. Esses espaços devem ser bem delimitados e afastadoS. Os potes também devem ser escolhidos de acordo com a necessidade de cada animal: além do tamanho, existem diferentes materiais. Veja abaixo: